FECHAR

Biblia Comentada por Versículo - RSS

Projeto Histórias Bíblicas para as Crianças!

Item 1 Title thumbnail of Item 1 Title

Um ato simples para você, e muito importante para nós, compartilhe, divulgue a Palavra de Deus!

Item 2 Title thumbnail of Item 2 Title

Cadastre Artigos aqui no Bíblia Comentada!

Item 3 Title thumbnail of Item 3 Title

Acesse agora nosso Circulo de Oração!

Item 1 Title thumbnail of Item 1 Title

Lista de Personagens Bíblicos

1 - AABAN
Filho de Abisur e de Abiail, neto de Samai, bisneto de Onam, trineto de Jerameel, tetraneto de Hesron e descendente de Judá.
2 - AALAI
Filho de Sesã, neto de Jesi, bisneto de Efraim (Apaim), trineto de Nadab, tetraneto de Samai (Semei) e descendente de Judá.
3 - AARÃO
Filho de Aram, irmão de Moisés, neto de Caat, bisneto de Levi, trineto de Jacó e Lia e tetraneto de Isaac. A ele foi dado, por Javé, o Ministério do Sacerdócio e, por isso se tornou o Patriarca dos Sacerdotes e dos levitas.
4 - AAREL
Filho de Arum, neto de Cós e descendente de Judá. Aarel foi o ancestral das “famílias de Aarael” que são citadas em "Crônicas".
5 - AAZ
Filho de Mica, neto de Jônatas, bisneto do rei Saul, trineto de Kis (Cis), tetraneto de Jeiel e descendente de Benjamim.
6 - ABDA
Filho de Samua, neto de Galal, bisneto de Iditun era um dos servidores no Templo reconstruído em Jerusalém após o exílio babilônico.
7 - ABDI
Filho de Maluc, neto de Hasabias, bisneto de Amasias, trineto de Helkias, tetraneto de Amasaí e descendente de Merari e de Levi.
8 - ABDIAS
(3) Filho de Hananias, neto de Zorobabel, bisneto de Fadaías, trineto de Jeconias, tetraneto de Joaquim e descendente do rei Josias e de Judá. Foi um dos chefes dos trabalhos da reforma do Templo em Jerusalém.
9 - ABDIEL
Citado em "Crônicas", era filho de Guni e descendente de Gad, o filho de Jacó.
10 - ABDON
(1) É citado em "Crônicas" como filho de Jeiel e de Maaca e descendente de Benjamim.
11 - ABDON
(2) Filho de Mica era um dos secretários de governo durante o reinado do rei Josias, no "Reino de Judá".
12 - ABDON
(3) Filho de Sasac, neto de Elfaal, bisneto de Saaraim e de Husim e chefe de um dos clãs da tribo de Benjamim.
13 - ABDON
(4) Filho de Hilel, natural de Faraton e descendente de Efraim foi um dos “Juizes Menores”. Sucedeu a Elon e governou durante oito anos.
14 - ABEL
(2) O segundo filho de Adão e Eva. Era pastor e ao oferecer dádivas a Javé, que as preferiu em detrimento das de Caim, gerou ciúmes no seu irmão que o assassinou. Abel é um nome que pode significar “luto, choro” ou “prado, pasto”.
15 - ABIA
(2) Filho de Becor, neto de Benjamim, bisneto de Jacó, trineto de Isaac e tetraneto de Abrão.
16 - ABIA
(3) Filho de Samuel, neto de Elcana, bisneto de Jeroam, trineto de Eliab, tetraneto de Naat e descendente de Caat e de Levi. Tal como o pai, Abias era juiz em Bersabéia, mas ao contrário de Samuel era corrupto e rejeitado por Israel. Essa rejeição é que levou os hebreus a pedirem que Samuel entronizasse um rei que o sucedesse na liderança dos israelitas.
17 - ABIAIL
(1) Filho de Huri, neto de Jaroá, bisneto de Galaad, trineto de Micael, tetraneto de Jasisi e descendente de Gad, filho de Jacó.
18 - ABIAIL
(3) Esposa de Abisur e nora de Samai, o filho de Onam, neto de Jerameel e descendente de Judá.
19 - ABIAS
(1) Filho de Jeroboão que morreu ainda criança. Em toda a família de Jeroboão, Abias era o único que agradava a Javé.
20 - ABIAS
(ABIAM) (3) Filho de Roboão e de Maaca que, por sua vez, era filha de Absalão. Abias era neto de Salomão, bisneto de Davi e foi o sucessor de seu pai, reinando por três anos e cometendo vários pecados contra Javé.
21 - ABIASAF
(1) Filho de Corá e descendente de Levi. É citado em "Crônicas" como um dos “Porteiros” do Templo em Jerusalém.
22 - ABIASAF
(2) Filho de Elcana, neto de Assir, bisneto de Coré, trineto de Aminadab, tetraneto de Caat e descendente de Levi.
23 - ABIATAR
Filho de Aquimelec, neto de Aquitob, bisneto de Finéias e trineto de Eli (o sacerdote a quem Samuel foi confiado e que, depois, sucedeu). Seu pai era o sacerdote de Nob e ele foi um dos sacerdotes durante o reinado de Davi, porém, quando Davi morreu Abiatar aliou-se a Adonias, o que provocou a ira de Salomão que o destituiu do cargo.
24 - ABIDÃ
Filho de Gedeão e descendente de Benjamim. Era o chefe da tribo de seu antepassado quando da caminhada rumo à “Terra Prometida”
25 - ABIDA
Filho de Madiã, neto de Abraão e de Cetura, bisneto de Taré, trineto de Nacor e tetraneto de Serug.
26 - ABIEL
(2) Filho de Seror, neto de Becorat, bisneto de Afia, trineto de Metri e descendente de Benjamim. Abiel foi o avô do rei Saul.
27 - ABIÉZER
(1) Filho de Amolequet, neto de Maquir, bisneto de Manassés, trineto de José e tetraneto de Jacó. Em "Crônicas" é citado no capítulo referente à tribo de Benjamim talvez por laços de parentesco materno ou, então, por corrupção no texto.
28 - ABIMAEL
Filho de Jectã, neto de Héber, bisneto de Salé, trineto de Arfaxad e tetraneto de Noé.
29 - ABIMELEC
(2) Filho de Gedeão (um dos Juizes Maiores) e de sua concubina que morava em Siquém. Após a morte de seu pai e usando métodos espúrios (que incluiu o assassinato de seus 69 irmãos), Abimelec tomou o poder e foi o líder de Israel.
30 - ABINADAB
(2) Filho de Jessé, neto de Obed, bisneto de Booz, trineto de Salmon (= Salma), tetraneto de Naassom e descendente de Judá. Era irmão do rei Davi e é citado em “Samuel” como o pai de Eleazar que foi quem acolheu em sua casa (em Cariat-Jearim) a "Arca da Aliança”, que fora tomada e, depois, devolvida pelos filisteus.
31 - ABINADAB
(3) Em “Samuel” é citado como um dos filhos do rei Saul. Abinadab foi morto pelos filisteus no monte Gelboé.
32 - ABIRAM
(1) Filho de Eliab, neto de Falu, bisneto de Rúben, trineto de Jacó e tetraneto de Isaac. Abiram, junto com Coré e outros, rebelou-se contra Moisés na época do Êxodo e foi castigado por Javé ao ser engolido pela terra.
33 - ABIRAM
(2) Filho de Hiel, o reconstrutor de Jericó. Abiram foi imolado por seu pai como celebração pelos alicerces recolocados em Jericó.
34 - ABISAÍ
Filho de Sárvia, neto de Jessé, bisneto de Obed, trineto de Booz, tetraneto de Salma (Salmon) e descendente de Judá. Era irmão de Joab e de Asael e primo e fiel aliado do rei Davi. Abisaí era um dos integrantes do “Grupo dos Três”, a elite máxima das forças militares do rei.
35 - ABISUA
(1) Filho de Bela, neto de Benjamim, bisneto de Jacó, trineto de Isaac e tetraneto de Abrão.
36 - ABÍSUA
(2) Filho de Finéias, neto de Eleazar, bisneto de Aarão, trineto de Amram, tetraneto de Caat e descendente de Levi.
37 - ABISUR
Filho de Samai, neto de Onam, bisneto de Jerameel e de Atara, trineto de Hesron, tetraneto de Farés e descendente de Judá.
38 - ABIÚ
Filho de Aarão, sobrinho de Moisés, neto de Amram (Aram), bisneto de Caat, trineto de Levi e tetraneto de Jacó. Tal como seu pai foi escolhido para ser Sacerdote, mas morreu por ter apresentado um fogo irregular a Javé.
39 - ABNER
Filho de Ner, neto de Abiel, sobrinho de Cis, primo do rei Saul e descendente de Benjamim. Abner foi o comandante do exército de Saul.
40 - ABRÃO
PATRIARCA Filho de Taré, neto de Nacor, bisneto de Sarug, trineto de Reu, tetraneto de Faleg e descendente de Arfaxad, de Sem e de Noé. Provavelmente nasceu por volta de 1.899 a.C (contemporâneo de Hamurabi) na cidade de Ur (nas proximidades de Babel), na Caldéia (no atual Iraque). Filho de um fiel e crente servidor do Senhor, Abrão foi o escolhido por Javé (após o episódio da Torre de Babel) para dar origem ao chamado “povo eleito”, o qual deveria observar os ensinamentos e manter-se na reta conduta de Deus. Como seus conterrâneos eram idólatras pagãos, Javé ordenou-lhe que abandonasse sua terra natal para que assim pudesse evitar a contaminação em sua fé e acompanhado por seu pai, por Sara (sua sobrinha e esposa) e por Ló (seu sobrinho), Abrão, aos 75 anos, emigrou para Harã, na Mesopotâmia, depois seguiu para Siquém e depois para o Egito, donde voltou para fixar-se nas proximidades de Betel, no país de Canaã, sempre conservando a fidelidade em Javé. Quando tinha 99 anos, Javé anunciou-lhe que Sara (que até então fora estéril) daria à luz um menino que herdaria a sua missão e efetivamente nasceu-lhe Isaac. Além dele, Abrão também foi o pai de Ismael, gerado com Agar (a serva de Sara, conforme os costumes da época), que foi o ancestral dos árabes, enquanto que Isaac foi o ancestral da linhagem que no futuro teria em Jesus – o Messias - o seu ápice. Abrão viveu até os 175 anos e desfrutou de uma velhice serena e feliz. Abrão, em hebraico, significa: Ab=pai Raham= “hamon”, isto é: “multidão”.
41 - ABSALÃO
filho do rei Davi e de Maaca. Era neto de Jessé, bisneto de Obed, trineto de Booz, tetraneto de Salmon e descendente de Judá. Absalão mandou que seus servos matassem seu irmão Amnon por ele ter violentado Tamar, irmã de ambos. Em virtude desse assassinato desencadeou-se um guerra civil entre os partidários de Absalão e os partidários do rei Davi que culminou com a morte de Absalão e com o fracasso da tentativa de golpe de estado.
42 - ACÃ
Filho de Carmi, neto de Zabdi, bisneto de Zaré e descendente de Judá. Por ter-se apoderado dos objetos que seriam consagrados ao extermínio, após a tomada de Jericó, despertou a cólera de Javé e como castigo foi apedrejado, junto com a sua família, até a morte.
43 - ACAB
(1) Ë o rei hebreu cujos feitos e erros são narrados em maior quantidade na Bíblia porque no seu tempo e por sua culpa a idolatria pagã atingiu o seu nível mais alto. Filho e sucessor de Amri, no "Reino de Israel", Acab casou-se com Jezabel, filha de Etbaal – rei dos Sidônios – que, como o marido, cometeu várias ofensas a Javé, chegando mesmo a erguer templos para Baal. Acab reinou por vinte e dois anos.
44 - ACAB
(2) Filho de Colaías era um dos falsos profetas contemporâneos do Profeta Jeremias, o qual os combatia com vigor. Acab foi queimado vivo por ordem do rei da Babilônia porque seduziu uma mulher em Israel e por fazer as falsas profecias.
45 - ACAR
(1) Filho de Carmi, neto de Zabdi, bisneto de Zara e descendente de Judá.
46 - ACAR
(2) Filho de Ram, neto de Jerameel, bisneto de Hesron, trineto de Farés, tetraneto de Judá. Esse nome significa: “aflição, confusão”.
47 - ACAZ
(1) Em "Crônicas" é citado como filho de Mica, neto de Meribaal, bisneto de Jônatas, trineto do rei Saul e tetraneto de Cis.
48 - ACAZ
(2) Filho e sucessor de Joatão no "Reino de Judá". Acaz começou a governar quando tinha vinte anos e reinou por dezesseis, em Jerusalém. Cometeu vários pecados contra Javé e chegou até a sacrificar o seu filho no fogo. Em seu tempo, Rason, rei de Aram, e Facéia, soberano do "Reino de Israel", atacaram e cercaram Jerusalém, mas não a conquistaram definitivamente, pois Acaz aliou-se a Teglat-Falasar, rei da Assíria, e matou Rason. Também em sua época o rei de Edom reconquistou Elat e expulsou os hebreus que nela residiam. Sempre cultivando a idolatria pagã, Acaz morreu e foi sucedido por Ezequias, seu filho.
49 - ACAZAI
Filho de Mesilamot, neto de Emer e membro da classe dos Sacerdotes.
50 - ACOBOR
Filho de Micas e Sacerdote (?) durante o reinado de Josias.
51 - ACUB
(2) Filho de Elioenai, neto de Naarias, bisneto de Sequenias, trineto de Hananias, tetraneto de Zorobabel e descendente do rei Josias.
52 - ADA
(1) Primeira esposa de Lamec, filho de Matusael e tetraneto de Caim.
53 - ADA
(2) Filha do heteu Elon e esposa de Esaú, o filho de Isaac e irmão de Jacó.
54 - ADAD
(1) Chamado de “O Edomita” era da família real de Edom. Quando criança fugiu do extermínio provocado por Joab e refugiou-se no Egito onde foi acolhido pelo Faraó que, posteriormente, casou-o com a sua cunhada que lhe deu um filho chamado Genubat. Após a morte de Joab e a de Davi, Adad voltou a Edom e tornou-se o rei do país e inimigo ferrenho de Israel, durante o reinado de Salomão.
55 - ADAD
(2) Filho de Badad (aquele que derrotou os Madiãnitas nos campos de Moab) foi o sucessor de Husam no trono de Danaba.
56 - ADADEZER
Filho de Reoob, o rei de Soba. Adadezer foi derrotado por Davi quando este pretendia estender seus domínios sobre a região do rio Eufrates.
57 - ADAIA
(1) Filho de Etan, neto de Zama, bisneto de Semei, trineto de Jaat, tetraneto de Gerson e descendente de Levi.
58 - ADAIA
(2) É citado em "Crônicas" como filho de Sama (Semei), neto de Elfaal, bisneto de Saaraim e de Husim e chefe de um dos clãs da tribo de Benjamim.
59 - ADAÍAS
(2) Filho de Jeroam, neto de Fassur, bisneto de Melquias, trineto de Maasai, tetraneto de Adiel e membro da linhagem dos sacerdotes.
60 - ADAÍAS
(3) Filho de Jeroam, neto de Felaías, bisneto de Amsi, trineto de Zacarias, tetraneto de Fasur e membro da classe dos Sacerdotes na Jerusalém reconstruída após o exílio babilônico.
61 - ADAÍAS
(4) Filho de Joiarib, neto de Zacarias, bisneto de Aías (o Silonita) e descendente de Farés e de Judá. Foi um dos líderes dos hebreus que se estabeleceram na Jerusalém reconstruída durante o governo de Neemias, após o exílio babilônico.
62 - ADALIÁ
Um dos filhos de Am㠖 cortesão do rei Xerxes I, da Pérsia, e inimigo dos hebreus - que foram mortos pelos judeus quando o decreto que previa o seu extermínio foi alterado graças à intervenção de Ester.
63 - ADAR
(1) Filho de Bela, neto de Benjamim, bisneto de Jacó, trineto de Isaac e tetraneto de Abrão.
64 - ADBEEL
Filho de Ismael, neto de Abrão e de Agar (serva de Sara), bisneto de Taré, trineto de Nacor e tetraneto de Serug.
65 - ADIEL
(2) Filho de Jazera, neto de Mesulam, bisneto de Mesilemit, trineto de Emer e membro da linhagem dos sacerdotes.
66 - ADINA
Filho de Siza (Ziza) – líder dos rubenitas – foi um dos chamados "Heróis de Davi". Estes compunham um grupo de proeminentes guerreiros fiéis ao rei Davi.
67 - ADNA
(2) Membro da família de Harim era o “Sacerdote Chefe” de sua família no tempo de Joaquim, o levita filho de Jesus e neto de Sadoc.
68 - ADO
Filho de Joá, neto de Zama, bisneto de Jaat, trineto de Lebni, tetraneto de Gerson e descendente de Levi. Foi um dos líderes da classe dos Sacerdotes que voltaram do exílio babilônico sob a liderança de Zorobabel. Ado era o ascendente do Profeta Zacarias e é o Vidente citado em "Crônicas".
69 - ADONIAS
(2) Filho do rei Davi e de Hagit. Era neto de Jessé, bisneto de Obed, trineto de Booz, tetraneto de Salmon e descendente de Judá. Adonias seria o herdeiro natural de Davi, mas Salomão é que foi entronizado e para eliminar a sua concorrência mandou matá-lo.
70 - ADORAM
Filho de Toú, o rei de Hamat e inimigo de Adadezer que, por sua vez, foi derrotado por Davi.
71 - ADRAMELEC
(2) Filho e assassino do rei da Assíria chamado Senaquerib.
72 - ADUEL
Filho de Gabael e descendente de Neftali, pela linhagem de Asiel (Jasiel), foi o bisavô de Tobi e o trisavô de Tobias.
73 - ADURAM
(1) Filho de Jectã, neto de Héber, bisneto de Salé, trineto de Arfaxad e tetraneto de Noé.
74 - AEUZAM
Filho de Hur e de Naara, neto de Caleb e de Efrata, bisneto de Hesron, trineto de Farés e tetraneto de Judá.
75 - AGAR
Serva de Sara que a ofereceu a Abrão para que ele gerasse com ela um filho. O menino foi chamado Ismael e, segundo a tradição, é o ancestral de Maomé e de todos os árabes.
76 - AGARENOS
Os filhos de Agar com Abrão. Os árabes.
77 - AGEU
– PROFETA Nome hebraico que significa festivo. Desse Profeta sabe-se apenas que era filho de Ado e que foi contemporâneo do Profeta Zacarias com o qual compartilhou a missão de assistir aos judeus repatriados após exílio babilônico. A sua atividade desenvolveu-se durante poucos meses no segundo ano do reinado de Dario I, rei da Pérsia, de 521 a 485 a.C.
78 - AGI
Filho de Gad, neto de Jacó, bisneto de Isaac, trineto de Abrão e tetraneto de Taré.
79 - AI
Filho de Abdiel, neto de Guni e chefe de um dos clãs da tribo de Gad.
80 - AÍAM
Filho de Sacar (ou Sarar), “O Ararita”, era um dos chamados "Heróis de Davi", grupo de proeminentes guerreiros fiéis ao rei Davi.
81 - AIAN
Filho de Semida, neto de Galaad, bisneto de Maquir, trineto de Manassés e tetraneto de José. Em "Crônicas" é citado no capítulo referente à tribo de Benjamim talvez por laços de parentesco materno ou, então, por corrupção no texto.
82 - AÍAS
(1) Filho de Aquitob, neto de Finéias e bisneto de Eli, o sacerdote que foi sucedido por Samuel.
83 - AÍAS
(2) Filho de Jerameel, neto de Hesron, bisneto de Farés, trineto de Judá e tetraneto de Jacó.
84 - AÍAS
(3) Filho de Sisa era um dos secretários durante o reinado de Salomão.
85 - AICAN
(AICÃO) Filho de Safan e pai de Godolias (que foi empossado como governador da Judéia por Nabucodonosor, após a tomada de Jerusalém). Aican foi um dos secretários durante o reinado de Josias e um dos protetores do Profeta Jeremias.
86 - AIEZER
Filho de Amisadai e descendente de Dã. Era o chefe da tribo de seu antepassado quando da caminhada rumo à “Terra Prometida”
87 - AIMOT
Filho de Elcana, neto de Assir, bisneto de Coré, trineto de Aminadab (Isaar) e descendente de Caat e de Levi.
88 - AINADAB
Filho de Ado era o “prefeito” da região de Manaaim durante o reinado de Salomão.
89 - AIO
(2) É citado em "Crônicas" como filho de Jeiel e de Maaca e descendente de Benjamim.
90 - AÍRA
Filho de Enã e descendente de Neftali. Era o chefe da tribo de seu antepassado quando da caminhada rumo à “Terra Prometida”
91 - AIRAM
Filho de Benjamim, neto de Jacó, bisneto de Isaac, trineto de Abrão e tetraneto de Taré. Vale o registro que os termos "filho, pai etc.", na Bíblia podem ter o sentido mais amplo que o da simples relação de parentesco.
92 - AISAAR
Filho de Balan, neto de Jadiael, bisneto de Benjamim, trineto de Jacó e tetraneto de Isaac.
93 - AIUD
(1) Descendente de Aser, filho de Salomi e um dos chefes de sua tribo.
94 - AIUD
(2) Filho de Naamam, neto de Aod, bisneto de Gera, trineto de Bela e tetraneto de Benjamim.
95 - ALAMAT
Filho de Joada, neto de Acaz, bisneto de Mica, trineto de Meribaal, tetraneto de Jônatas e descendente do rei Saul.
96 - ALEXANDRE
(4) Um dos filhos de Simão de Cirene. Ver Simão de Cirene.
97 - ALEXANDRE
BALAS (150-145 a.C.) Filho ilegítimo de Demétrio I foi um dos reis Selêucidas (gregos) que são citados em "Macabeus". Em épocas distintas, esses reis foram inimigos ou aliados dos hebreus retornados do exílio babilônico e disputavam com a dinastia dos Lágidas (Os Tolomeus, do Egito) o controle da Palestina.
98 - ALMAL
Filho de Becor, neto de Benjamin, bisneto de Jacó, trineto de Isaac e tetraneto de Abrão.
99 - AMÃ
Filho de Amadates era um dos altos funcionários do império persa na época do rei Xerxes. Inimigo do hebreu Mardoqueu, que se recusava a prestar-lhe vassalagem, Amã tentou eliminar todos os judeus, mas graças à intercedência de Ester, o extermínio não foi consumado e Amã foi executado, assim como toda a sua família. Ver Ester e Mardoqueu.
100 - AMAL
Filho de Hotam, neto de Heber, bisneto de Beria, trineto de Aser e tetraneto de Jacó.
101 - AMALEC
(1) Filho de Elifaz e de Tamna (sua amante). Era neto de Esaú e de Ada, bisneto de Isaac, trineto de Abrão e tetraneto de Taré.
102 - AMARIAS
(1) Filho de Azarias, neto de Joanan, bisneto de Azarias, trineto de Aquimaás, tetraneto de Sadoc e descendente de Levi. Era um dos líderes da classe dos Sacerdotes que voltaram do exílio babilônico sob a liderança de Zorobabel.
103 - AMARIAS
(2) Filho de Meraiot, neto de Zaraías, bisneto de Ozi, trineto de Boki, tetraneto de Abisua e descendente de Levi.
104 - AMARIAS
(3) Filho de Hebron, neto de Caat e descendente de Levi, era subordinado a Coré e o encarregado de distribuir os dízimos aos outros levitas e sacerdotes em sua comunidade.
105 - AMARIAS
(4) Filho de Safatias, neto de Malaleel e descendente de Farés e de Judá.
106 - AMARIAS
(5) Filho de Ezequias, pai de Godolias, avô de Cusi e bisavô do Profeta Sofonias.
107 - AMASA
(1) Filho de Hadali foi um dos habitantes proeminentes do "Reino de Israel" que se opuseram à intenção de se escravizar os cativos do "Reino de Judá", na época da guerra movida e perdida pelo rei Acaz.
108 - AMASA
(2) Filho de Jetra (ou Jeter) O Ismaelita e de Abigail, neto de Jessé, sobrinho de Sárvia e do rei Davi, e primo de Joab. Amasa era o chefe do exército de Absalão.
109 - AMASAÍ
(1) Filho de Elcana, neto de Assir, bisneto de Coré trineto de Aminadab (Isaar) e descendente de Caat e de Levi.
110 - AMASAÍ
(2) Filho de Bani, neto de Samer, bisneto de Mali, trineto de Musi, tetraneto de Merari e descendente de Levi.
111 - AMASAÍ
(3) Filho de Azarel, neto de Acazai, bisneto de Mesilamot, trineto de Emer e membro da classe dos Sacerdotes na Jerusalém reconstruída após o exílio babilônico.
112 - AMASIAS
(1) Filho e sucessor de Joás (e de Joaden), no trono do "Reino de Judá". Amasias começou a reinar quando tinha vinte e cinco anos e governou por vinte e nove, em Jerusalém. Venceu os arameus, mas foi derrotado por Joás, soberano do "Reino de Israel" e, tempos depois, foi vitima de conspiração e foi morto em Laquis, sendo sucedido por Ozias, seu filho.
113 - AMASIAS
(3) Filho de Helkias, neto de Amasaí, bisneto de Bani, trineto de Samer, tetraneto de Mali e descendente de Merari e de Levi. Era o chefe dos Sacerdotes em Betel (santuário ilegítimo) na época do reinado de Jeroboão, no "Reino de Israel", e do Profeta Amós de quem era feroz inimigo.
114 - AMASIAS
(4) Filho de Zecri, era um dos chefes militares durante o reinado de Josafá no "Reino de Judá”.
115 - AMATEU
Povo que descendia de Canaã, o filho de Cam e neto de Noé.
116 - AMIEL
(1) Residente em Lo-Dabar e pai de Maquir que foi quem abrigou Meribaal – filho do rei Saul – e, posteriormente, o rei Davi.
117 - AMIEL
(3) Filho de Gemali, descendente de Dã e um dos que foram explorar o país de Canaã, conforme as ordens de Moisés.
118 - AMIEL
(4) Filho de Obed-Edom e descendente de Coré e de Levi. Era um dos “Porteiros” do Templo em Jerusalém.
119 - AMINADAB
(1) Filho de Ram, neto de Hesron, bisneto de Farés, trineto de Judá e tetraneto de Jacó.
120 - AMIUD
(1) Filho de Laadan, neto de Taan, bisneto de Tale, trineto de Resef, tetraneto de Rafa e descendente de Efraim e de José.
121 - AMIUD
(4) Filho de Omri, neto de Imri, bisneto de Bani e descendente de Farés e de Judá.
122 - AMIZADAB
Filho de Banaías e neto do sacerdote Jojada, era um dos chefes militares durante o reinado de Davi.
123 - AMNON
(1) Filho de Simon, neto de Odaia, bisneto de Caleb, trineto de Jefoné e descendente de Judá.
124 - AMNON
(2) Filho do rei Davi e de Aquinoam. Era neto de Jessé, bisneto de Obed, trineto de Booz, tetraneto de Salmon e descendente de Judá. Amnon apaixonou-se por Tamar, sua irmã, e violentou-a. Em função disso, Absalão – seu irmão e de Tamar – passou a odiá-lo e fez com que seus servos o matassem.
125 - AMON
(1) Filho e sucessor de Ezequias. Sua mãe chamava-se Mesalemet e era filha de Harus e natural de Jeteba. Amon assumiu o trono quando tinha vinte e dois anos e reinou por apenas dois, em Jerusalém. Tendo cometido vários pecados contra Javé, sofreu uma conspiração de seus oficiais que o mataram. O povo, por sua vez, matou esses conspiradores e proclamou Josias, filho de Amon, como o novo rei.
126 - AMON
(3) Território situado na Transjordânia, a leste do Jordão, ao norte de Moab e ao sul de Galaad. Era habitado pelos amonitas que descendiam de Ben-Ami, filho de Ló.
127 - AMONITAS
Descendentes de Ben-Ami, filho de Ló, que habitavam o país de Amon, na Transjordânia.
128 - AMÓS
PROFETA O Profeta Amós não deve ser confundido com o seu homônimo que foi o pai do Profeta Isaías. Em hebraico os dois nomes são grafados de maneira diferente. Amós nasceu em Técua e era pastor. Viveu na época do reis Ozias, do "Reino de Judá", e Jeroboão II, do "Reino de Israel", por volta de 783 a 743 a.C. A sua pregação era uma critica aos desvios dos hebreus que em função da prosperidade alcançada na época relaxaram nos costume e na fé em Javé. Por essas criticas, Amós sofreu forte oposição dos sacerdotes de Betel, o principal santuário da época. O seu fim é incerto, mas uma tradição conservada pelo autor das “Vidas dos Profetas” relata que Amós foi ferido pelo filho do Sacerdote Amasia e em conseqüência morreu em sua aldeia natal.
129 - AMRAM
(ARAM) (2) Filho de Caat, neto de Levi, bisneto de Jacó, trineto de Isaac e tetraneto de Abrão. Amram foi o pai de Aarão, de Moisés e de Maria.
130 - AMRAMITAS
Os membros da famílias que se originaram de Amram, filho de Caat e neto de Levi.
131 - AMRI
(1) Filho de Becor, neto de Benjamim, bisneto de Jacó, trineto de Isaac e tetraneto de Abrão.
132 - AMSI
Filho de Zacarias, neto de Fasur, bisneto de Malquias e membro da classe dos Sacerdotes.
133 - ANA
(2) Esposa de Elcana e mãe de Samuel, o último Juiz de Israel. Ana era estéril e por isso rogou a Javé para que tivesse filhos. Javé atendeu-lhe e o seu filho (Samuel) foi consagrado a Deus e entregue aos cuidados do sacerdote Eli.
134 - ANANI
Filho de Elioenai, neto de Naarias, bisneto de Sequenias, trineto de Hananias, tetraneto de Zorobabel e descendente do rei Josias.
135 - ANANIAS
(3) Descendente de Simeão - filho de Jacó – era da linhagem da qual descendeu a heroína Judite. Ver Judite.
136 - ANANIAS
(7) Filho de Azur e natural de Gabaon era uma falso profeta que vivia na época do Profeta Jeremias. Por iludir o povo com fingidas promessas foi castigado por Javé com a morte.
137 - ANANIEL
Filho de Aduel, neto de Gabael e descendente de Neftali, pela linhagem de Asiel (Jasiel), foi o marido de Débora e o avô de Tobi e o bisavô de Tobias.
138 - ANATOTIA
Filho de Sasac, neto de Elfaal, bisneto de Saaraim e de Husim e chefe de um dos clãs da tribo de Benjamim.
139 - ANDRÉ
APÓSTOLO Filho de Jonas e de Maria era irmão do Apóstolo Pedro e como ele abandonou a sua profissão de pescador para acompanhar Jesus, o Messias. Após a dispersão dos apóstolos, André evangelizou na Ásia Menor, na Capadócia e na Rússia, onde ainda é muito venerado. Foi um ousado e entusiasmado pregador da mensagem cristã e fundou sucessões apostólicas em todas as regiões onde pregou. Segundo a tradição foi crucificado numa cruz em forma de “X” a qual, mais tarde, ficou sendo conhecida como a “Cruz de Santo André”.
140 - ANIAM
Filho de Semida, neto de Galaad, bisneto de Maquir, trineto de Manassés e tetraneto de José. Em "Crônicas" é citado no capítulo referente à tribo de Benjamim talvez por laços de parentesco materno ou, então, por corrupção no texto.
141 - ANOB
Filho de Cós e membro do clã de Caleb, o filho de Hesron, descendente de Judá. Porém, como não há uma relação precisa de parentesco entre Cós e os demais, a sua ascendência direta é prejudicada.
142 - AOA
Filho de Bela, neto de Benjamim, bisneto de Jacó, trineto de Isaac e tetraneto de Abrão.
143 - AOBÃ
Filho de Abisur e de Abiail, membro do clã de Caleb e descendente de Judá.
144 - AOD
(1) Um dos Juízes Maiores era filho de Gera, neto de Bela, bisneto de Benjamim, trineto de Jacó e tetraneto de Isaac. Aod sucedeu Otoniel na liderança de Israel e ao vencer Eglon, libertou os hebreus.
145 - AOD
(2) Filho de Simeão, neto de Jacó e Lia, bisneto de Isaac, trineto de Abrão e tetraneto de Taré.
146 - AOD
(3) Filho de Sofa, neto de Hotam, bisneto de Heber, trineto de Beria e tetraneto de Aser.
147 - APAIM
(EFRAIM) Filho de Nadab, neto de Samai, bisneto de Onam, trineto de Jerameel, tetraneto de Hesron e descendente de Judá. Apaim também é chamado de Efraim.
148 - APOLONIO
(1) Filho de Geneo, era companheiro e conselheiro do rei Demétrio Soter e, posteriormente, conquistou também a confiança do herdeiro chamado Demétrio Nicanor. Foi um ferrenho inimigo dos israelitas e mesmo após o armistício assinado com Lisias, ele e alguns outros continuaram com as hostilidades, porém acabou sendo morto em combate por Judas Macabeu.
149 - APOLÔNIO
(2) Filho de Menesteu e natural de Tarso, era o governador da Celessíria e da Fenícia durante o reinado de Selêuco IV, Filopator, na época em que houve o regresso dos hebreus do exílio babilônico.
150 - APOLÔNIO
(3) Homônimo do filho de Menesteu, era o comandante dos “misios” (oriundos da Misia), os quais, provavelmente, formavam um corpo de elite das forças do rei Antíoco IV, Epífanes. Apolônio atacou Jerusalém quando, então , Judas Macabeu e os seus fugiram para o deserto e iniciaram o movimento de resistência contra as ordens para que abandonassem a sua fé e os seus ritos.
151 - AQUIA
(1) Filho de Aod, neto de Gera, bisneto de Bela, trineto de Benjamin e tetraneto de Jacó. É citado em "Crônicas" na qualidade de chefe de um dos clãs da sua tribo.
152 - AQUIA
(2) Filho de Jerameel, neto de Hesron, bisneto de Farés, trineto de Judá e de Tamar e tetraneto de Jacó.
153 - AQUICAR
(2) Filho de Anael, descendente de Neftali, e primo de Tobi. Aquicar tornou-se uma figura proeminente no governo da Assíria e destarte pode ajudar a Tobi quando esse caiu em desgraça devido às caridades que fazia. Também foi Aquicar que o sustentou quando ele ficou cego.
154 - AQUIMAÁS
(1) Filho de Abiel, neto de Seror, bisneto de Becorat, trineto de Afia, tetraneto de Metri e descendente de Benjamim. Aquimaás foi tio de Saul, o primeiro rei de Israel.
155 - AQUIMAÁS
(2) Filho de Sadoc, neto de Aquitob, bisneto de Amarias, trineto de Meraiot, tetraneto de Zaraías e descendente de Levi.
156 - AQUIMELEC
(1) Filho de Aquitob, neto de Finéias e bisneto de Eli, o sacerdote que foi sucedido por Samuel. Aquimelec era o sacerdote de Nob na época do rei Saul e na do rei Davi que o nomeou Sumo Sacerdote.
157 - AQUINOAM
(1) Filho de Aquimaás, neto de Abiel, sobrinho de Cis e primo de Saul, o primeiro rei de Israel.
158 - AQUIS
Rei de Gat, que em “Samuel”, é tomada como representante geral das cidades filistéias. Aquis era filho de Maoc.
159 - AQUITOB
(1) Em "Crônicas" é citado como filho de Saaraim e de Husim. Aquitob era chefe de um dos clãs da tribo de Benjamim.
160 - AQUITOB
(2) Filho de Amarias, neto de Azarias (Meraiot), bisneto de Joanan (Zaraías), trineto de Azarias (Ozi), tetraneto de Aquimaás (Boki) e descendente de Levi.
161 - AQUITOB
(3) Filho de Finéias e neto de Eli, o sacerdote que foi sucedido por Samuel.
162 - AQUITOB
(4) Descendente de Simeão - filho de Jacó – era da linhagem da qual descendeu a heroína Judite. Ver Judite.
163 - AQUITOFEL
(2) Habitante de Gilo e conselheiro do rei Davi. Porém, Aquitofel tornou-se um traidor e aderiu às hostes de Absalão e, por fim, suicidou-se. Seu filho, Eliam, era um dos componentes do grupo "Dos Trinta", a guarda pessoal do rei Davi.
164 - ARA
(1) Filho de Jeter, neto de Sofa, bisneto de Hotam, trineto de Heber, tetraneto de Beria e descendente de Aser.
165 - ARAM
(2) Filho de Somer, neto de Heber, bisneto de Beria, trineto de Aser e tetraneto de Jacó.
166 - ARAM
(3) Filho de Camuel, neto de Nacor, bisneto de Taré, trineto de Nacor, tetraneto de Serug e sobrinho-neto de Abrão.
167 - ARAM
(4) Filho de Sem, neto de Noé, bisneto de Lamec, trineto de Matusalém e tetraneto de Henoc.
168 - ARAM
(5) É citado em "Crônicas" como filho de Semei e descendentes de Gerson e de Levi.
169 - ARAM
(ARÃ) (6) Filho de Disã e neto de Seir, o horreu.
170 - ARAM
(ARÃ) (7) Filho de Taré, neto de Nacor, bisneto de Serug, trineto de Reu e tetraneto de Faleg. Aram era irmão de Abrão e o genitor de Ló.
171 - ARAN
(OREN) Filho de Jerameel, neto de Hesron, bisneto de Farés, trineto de Judá e de Tamar e tetraneto de Jacó.
172 - ARARMOT
Filho de Jectã, neto de Héber, bisneto de Salé, trineto de Arfaxad e tetraneto de Sem, o filho de Noé.
173 - ARDON
Filho de Caleb e de Azuba, neto de Hesron, bisneto de Farés, trineto de Judá e tetraneto de Jacó.
174 - ARED
Filho de Benjamim, neto de Jacó, bisneto de Isaac, trineto de Abrão e tetraneto de Taré.
175 - ARELI
Filho de Gad, neto de Jacó, bisneto de Isaac, trineto de Abrão e tetraneto de Taré.
176 - ARFAXAD
(2) Filho de Sem, neto de Noé, bisneto de Lamec, trineto de Matusalém e tetraneto de Henoc. De sua linhagem é que descendeu Abrão e o principal ramo genealógico da Bíblia.
177 - ARIDAI
Um dos filho de Am㠖 cortesão do rei Xerxes I, da Pérsia, e inimigo dos hebreus. Ver Amã, Ester, Mardoqueu.
178 - ARIDATÁ
Era um dos filho de Am㠖 cortesão do rei Xerxes I, da Pérsia, e inimigo dos hebreus. Junto com seus irmãos e seu pai foi morto pelos judeus quando o pérfido plano de Amã foi abortado graças à intervenção de Ester.
179 - ARISAI
Era um dos filho de Am㠖 cortesão do rei Xerxes I, da Pérsia, e inimigo dos hebreus. Ver Amã, Mardoqueu ou Ester.
180 - ARMONI
Filho de Saul e de sua concubina chamada Resfa, neto de Cis, bisneto de Jeiel e descendente de Benjamim.
181 - ARNÃ
Filho de Hananias, neto de Zorobabel, bisneto de Fadaías, trineto de Jeconias, tetraneto de Joaquim e descendente do rei Josias.
182 - ARO
É citado em "Crônicas" como filho de Ola e descendente de Aser. A sua descendência direta é omitida. Ver Ola.
183 - AROD
(1) Filho de Beria, neto de Elfaal, bisneto de Saararaim e de Husim e chefe de um dos clãs da tribo de Benjamim.
184 - AROD
(2) Filho de Gad, neto de Jacó, bisneto de Isaac, trineto de Abrão e tetraneto de Taré.
185 - ARTAXERXES
I Filho e sucessor de Xerxes I, neto de Dário I, bisneto de Cambises e trineto de Ciro, imperador da Pérsia. Foi durante o seu reinado que ocorreu a reconstrução do Templo em Jerusalém.
186 - ARUM
Filho de Cós e membro do clã de Caleb, o filho de Hesron, descendente de Judá. Porém, como não há uma relação precisa de parentesco entre Cós e os demais, a sua ascendência direta é prejudicada.
187 - ASA
(1) É citado em "Crônicas" como filho de Elcana e descendente de Levi.
188 - ASA
(2) Filho e sucessor de Abiam no "Reino de Judá" . Era neto de Roboão, bisneto de Salomão e trineto de Davi. Asa foi fiel a Javé e chegou a destituir Maaca, filha de Absalão e sua avó, do cargo de “rainha mãe”. Asa fez alianças militares e enfrentou os adversários com valentia e reinou por quarenta anos.
189 - ASAEL
(2) Filho da viúva Sárvia e irmão de Joab e de Abisaí. Como seus irmãos, era primo e fiel partidário do rei Davi de quem era um dos chefes militares. Era um dos chamados "Heróis de Davi".
190 - ASAF
(2) Filho de Baraquias, neto de Samaá, trineto de Micael, tetraneto de Baasías e descendentes de Gerson e de Levi. Pertencia à classe dos “cantores” do Templo.
191 - ASAIA
(1) Filho de Hagia, neto de Samaá, bisneto de Oza, trineto de Semei, tetraneto de Lebni e descendente de Merari e de Levi. Asaia foi um dos levitas convocados pelo rei Davi para transportar a "Arca da Aliança" de Cariat Jearim para Jerusalém.
192 - ASAIA
(2) Filho de Sela, neto de Judá, bisneto de Jacó, trineto de Isaac e tetraneto de Abrão.
193 - ASAREL
Filho de Jealelel e membro da tribo de Judá. Não há menção de seus antepassados diretos.
194 - ASARELA
Filho de Asaf e descendente de Levi era um dos “Cantores” do Templo em Jerusalém.
195 - ASBEL
Filho de Benjamim, neto de Jacó, bisneto de Isaac, trineto de Abrão e tetraneto de Taré. Vale o registro que os termos "filho, pai etc." na Bíblia podem ter o sentido mais amplo que o da simples relação de parentesco.
196 - ASEL
Filho de Elasa, neto de Rafa, bisneto de Banaa, trineto de Mosa, tetraneto de Zamri e descendente do rei Saul.
197 - ASENET
Filha de Putifar e esposa de José, filho de Jacó, que, então, era o Governador do Egito.
198 - ASER
– PATRIARCA Filho de Jacó e de Zelfa (serva de Lia), neto de Isaac, bisneto de Abrão, trineto de Taré e tetraneto de Nacor. Um dos doze ancestrais das tribos de Israel.
199 - ASOM
(ASON) (1) Filho de Jerameel, neto de Hesron, bisneto de Farés, trineto de Judá e de Tamar e tetraneto de Jacó.
200 - ASOM
(2) Filho de Jessé, neto de Obed, bisneto de Booz, trineto de Salmon (Salma), tetraneto de Naassom e descendente de Judá. Era irmão do rei Davi.
201 - ASOT
Filho de Jaflet, neto de Heber, bisneto de Beria, trineto de Aser e tetraneto de Jacó.
202 - ASPATÁ
Um dos filhos de Am㠖 o cortesão do rei Xerxes I, da Pérsia, e inimigo dos hebreus. Ver Amã, Mardoqueu ou Ester.
203 - ASSARADÃO
Filho de Senaquerib, rei assírio que foi morto por Adramele e Sarezer, seus filhos e irmãos de Assaradão. Após o parricídio, Assaradão sucedeu no trono o rei assassinado. Em “Tobias” é chamado de Sarquedão. Assaradão corresponde ao “Assur Ahiddin” dos monumentos cuneiformes (680-669 a.C.).
204 - ASSENAFAR
Provavelmente seja apenas uma outra forma de grafar Assurbanipal, o célebre rei da Assíria que reinou entre 668-626 a.C. e era filho e sucessor de Assaradão.
205 - ASSIR
(1) Filho de Coré, neto de Isaar (Aminadab), bisneto de Caat, trineto de Levi e tetraneto de Jacó.
206 - ASSIR
(2) Filho de Abiasaf, neto de Elcana, bisneto de Assir , trineto de Coré, tetraneto de Aminadab e descendente de Caat e de Levi.
207 - ASSUR
(3) Filho de Caleb e de Efrata. Era neto de Hesron, bisneto de Farés, trineto de Judá e tetraneto de Jacó. Assur e Hur são sinônimos.
208 - ASSUR
(5) Filho de Sem, neto de Noé, bisneto de Lamec, trineto de Matusalém e tetraneto de Henoc.
209 - ASSURBANIPAL
Filho e sucessor de Assaradão reinou entre 668-626 a.C. na Assíria. Foi um dos inimigos dos hebreus.
210 - ASSURIM
Descendentes de Dadã que era filho de Jecsã e neto de Abraão e de Cetura.
211 - ATAI
(1) Filho de Roboão e de Maaca, neto de Salomão, bisneto de Davi, trineto de Jessé, tetraneto de Obed e descendente de Judá.
212 - ATAI
(ETEI) (2) Filho de Jeraa (Jaraa), neto de Sesã (Sesan), bisneto de Jesi, trineto de Apaim, tetraneto de Nadab e descendente de Judá.
213 - ATAÍAS
Filho de Uzias, neto de Zacarias, bisneto de Amarias, trineto de Safatias, tetraneto de Malaleel e descendente de Farés e Judá. Era um dos líderes dos hebreus que se estabeleceram na Jerusalém reconstruída durante o governo de Neemias, após o exílio babilônico.
214 - ATALIA
(1) Filho de Jerimot (Jeroam), neto de Elfaal, bisneto de Saaraim e de Husim e chefe de um dos clãs da tribo de Benjamim.
215 - ATARA
Uma das esposas de Jerameel o filho de Hesron e descendente de Judá – e mãe de Onam.
216 - ATNAI
Filho de Zara, neto de Adaia, bisneto de Etan, trineto de Zama, tetraneto de Semei e descendente de Gerson e de Levi.
217 - AUMAÍ
Filho de Jaat, neto Reaia, bisneto de Sobal, trineto de Hur, tetraneto de Caleb e descendente de Judá.
218 - AZAREL
Filho de Acazai, neto de Mesilamot, bisneto de Emer e membro da classe dos Sacerdotes. Foi um dos que retornaram do exílio babilônico e auxiliaram na reconstrução de Jerusalém.
219 - AZARIAS
(1) Filho de Aquimaás, neto de Sadoc, bisneto de Aquitob, trineto de Amarias, tetraneto de Meraiot e descendente de Levi. Azarias significa “Auxílio de Deus”.
220 - AZARIAS
(2) Filho de Jeú, neto de Obed, bisneto de Eflal (Oflal), trineto de Zabad, tetraneto de Natã e descendente de Jerameel e de Judá.
221 - AZARIAS
(3) Filho de Joanan, neto de Azarias, bisneto de Aquimaás, trineto de Sadoc, tetraneto de Aquitob e descendente de Levi. Era o (principal?) sacerdote do templo construído por Salomão.
222 - AZARIAS
(4) Filho de Natã, era o chefe dos prefeitos durante o reinado de Salomão.
223 - AZARIAS
(5) Filho do sacerdote Sadoc também era sacerdote durante o reinado de Salomão. Ver Ozias.
224 - AZARIAS
(6) Filho de Helkias, neto de Salum, bisneto de Sadoc, trineto de Aquitob, tetraneto de Amarias e descendente de Levi.
225 - AZARIAS
(7) Filho de Etan, neto de Zara, bisneto de Judá e de Tamar, trineto de Jacó e tetraneto de Isaac.
226 - AZARIAS
(8) Filho de Helkias, neto de Mesulam, bisneto de Sadoc, trineto de Meraiot, tetraneto de Aquitob e descendente da linhagem dos sacerdotes.
227 - AZARIAS
(9) Filho de Jelaleel e descendente de Merari e de Levi, foi um dos que, sob as ordens do rei Ezequias, do "Reino de Judá", purificaram o Templo de Jerusalém que fora aviltado durante o reinado de Acaz, pai e antecessor de Ezequias.
228 - AZARIAS
(10) Filho de Jeroam era um dos chefes militares convocados pelo sacerdote Jojada para destituir a rainha Atalia do trono e coroar Joás, filho de Acazias, em seu lugar.
229 - AZARIAS
(11) Filho de Joanam, foi um dos habitantes proeminentes do "Reino de Israel" que se opuseram à intenção de se escravizar os cativos do "Reino de Judá", na época da guerra movida e perdida pelo rei Acaz.
230 - AZARIAS
(12) Filho de Josafá, neto de Asa, bisneto de Abias, trineto de Roboão e tetraneto do rei Salomão.
231 - AZARIAS
(13) Filho de Obed era um dos chefes militares convocados pelo sacerdote Jojada para destituir a rainha Atalia do trono e coroar Joás, filho de Acazias, em seu lugar.
232 - AZARIAS
(14) Filho de Oded, era um dos profetas que viveram na época em que Asa esteve no trono do "Reino de Judá". De sua linhagem genealógica não há menção.
233 - AZARIAS
(15) Filho de Maaséia e neto de Ananias da linhagem de Simeão - foi um dos que ajudaram na reconstrução de Jerusalém, após o exílio babilônico, sob a supervisão de Neemias.
234 - AZARIAS
(16) Filho de Osaías, era um dos comandantes dos judeus remanescentes do exílio babilônico e foi um feroz adversário do Profeta Jeremias.
235 - AZARIAU
é uma variante de Azarias, o filho de Josafá.
236 - AZAU
Filho de Nacor e de Melca, neto de Taré, bisneto de Nacor, trineto de Serug e tetraneto de Reu. Azau era sobrinho de Abrão.
237 - AZAZ
Filho de Sama, neto de Joel e descendente de Rúben, filho primogênito de Jacó.
238 - AZMOT
(1) Filho de Adiel era o administrador dos reais tesouros urbanos durante o reinado do rei Davi.
239 - AZMOT
(2) Filho de Alamat, neto de Jaada, bisneto de Aaz, trineto de Mica, tetraneto de Jônatas e descendente do rei Saul.
240 - AZMOT
(3) Filho de Joada, neto de Acaz, bisneto de Mica, trineto de Meribaal, tetraneto de Jônatas e descendente do rei Saul.
241 - AZRICAM
Filho de Hasabias, neto de Buni e descendente de Levi.
242 - AZUBA
(1) Esposa de Caleb e nora de Hesron, o filho de Farés e neto de Judá.
243 - BAAL
(2) Filho de Reaías, neto de Micas, bisneto de Semei, trineto de Gog, tetraneto de Joel e descendente de Rúben.
244 - BAAL
(3) Filho de Jeiel e de Maaca e descendente de Benjamim.
245 - BAALANÃ
Filho de Acobor foi o sucessor de Saul (homônimo do rei Saul) no trono de Danaba.
246 - BAALIADA
Filho de Davi, neto de Jessé, bisneto de Obed, trineto de Booz, tetraneto de Salmon e descendente de Judá. Baaliada foi um dos filhos que Davi teve em Jerusalém.
247 - BAANA
(1) Filho de Ailud era o prefeito de Tamac, Meguido, Jecmam e do território de Betsã, abaixo de Jezrael até Bet-Meúla, durante o reinado de Salomão.
248 - BAANA
(2) Filho de Husi era o prefeito do território de Aser durante o reinado de Salomão.
249 - BAANA
(3) Natural de Remon de Berot, sob jurisdição Benjaminita, Baana era um dos chefes militares de Isbaal, o filho e herdeiro de Saul. Baana e Recab mataram Isbaal e ao apresentarem a cabeça do mesmo ao rei Davi foram condenados à morte e executados.
250 - BAASA
Filho de Aías, da tribo de Issacar, conspirou contra Nadab, matou-o e lhe sucedeu no trono do "Reino de Israel". Baasa reinou por vinte e quatro anos e cometeu vários pecados contra Javé, assim como toda a sua família.
251 - BAASÍAS
Filho de Melquias, neto de Atnai, bisneto de Zara, trineto de Adaia, tetraneto de Etan e descendente de Gerson e de Levi.
252 - BADAN
Filho de Ulam, neto de Feres, bisneto de Galaad, trineto de Maquir, tetraneto de Manassés e descendente de José. Em "Crônicas" é citado como membro da tribo de Benjamim, talvez, por laços de parentesco materno ou, então, por corrupção no texto.
253 - BALA
(1) Filho de Azaz, neto de Sama, bisneto de Joel e descendente de Rúben.
254 - BALAÃ
Filho de Dison e neto de Seir, o horreu.
255 - BALAÃO
Filho de Beor, habitante em Petor, nas margens do rio Eufrates, Balaão era adivinho e ante o pedido de Balac para que amaldiçoasse os hebreus recusou-se a fazê-lo por temer a Deus. Balaão não era um profeta verdadeiro, mas sim um mágico que acabou sendo morto pelos hebreus.
256 - BALAC
Filho de Sefor, rei de Moab e feroz inimigo do hebreus na época do Êxodo. Foi ele quem pediu a ajuda (que se mostrou inútil) do adivinho Balaão para barrar os israelitas.
257 - BALAN
(BALA) Filho de Jadiael, neto de Benjamim, bisneto de Jacó, trineto de Isaac e tetraneto de Abrão.
258 - BALDAD
Também chamado de “Rei” em algumas versões, era oriundo de Suás, um povoado (ou uma tribo) da Iduméia ou de Aram, e um dos amigos de Jó que foram consolá-lo pela morte de seus filhos, pela sua ruína e pela sua enfermidade.
259 - BALTASAR
Em “Daniel” é citado como filho do rei Nabucodonosor II que, geralmente, é identificado com Nabônides que reinou a partir de 555 a.C. Em “Baruc” também é citado um Baltasar, mas há contradições históricas nos textos.
260 - BANAA
Filho de Mosa, neto de Zamri, bisneto de Azmot, trineto de Alamat, tetraneto de Jaada e descendente do rei Saul. Algumas versões tratam-no como filho de Mosa, neto de Zamri, bisneto de Joada, trineto de Acaz, tetraneto de Mica e descendente do rei Saul.
261 - BANAÍAS
(2) Filho de Jojada (Joiada), era natural de Cabseel e graças a sua força descomunal e a suas façanhas militares tornou-se um célebre guerreiro. Consta que foi ele quem abateu os dois filhos de Ariel de Moab e, também, um egípcio gigantesco. Banaías era membro do chamado “Grupo dos Trinta” e foi nomeado pelo rei Davi como o chefe da guarda real. Era o comandante dos cereteus e dos feleteus.
262 - BANI
(2) Filho de Samer, neto de Mali (provável glosa), bisneto de Musi, trineto de Merari e tetraneto de Levi.
263 - BANI
(4) Filho de Hasabias, neto de Matanias, bisneto de Mica e descendente de Levi era o ancestral de uma das famílias hebréias que retornaram do exílio na Babilônia.
264 - BARAC
Filho de Abinoem, descendente de Neftali e oriundo de Cedes, foi o coadjuvante da profetisa Débora nas lutas contra Jabin, rei cananeu que oprimia os israelitas. Foi um dos “Juízes Maiores”.
265 - BARAIA
É citado em "Crônicas" como filho de Sama (Semei), neto de Elfaal, bisneto de Saaraim e de Husim e chefe de um dos clãs da tribo de Benjamim.
266 - BARAIAS
Filho de Sequenias, neto de Hananias, bisneto de Zorobabel, trineto de Fadaías, tetraneto de Jeconias e descendente do rei Josias.
267 - BARAQUIA
Filho de Asa, neto de Elcana e descendente de Levi. É citado em "Crônicas" como um dos “porteiros adidos” da "Arca da Aliança" no Templo de Jerusalém.
268 - BARAQUIAS
(1) Filho de Samaá, neto de Micael, bisneto de Baasías, trineto de Melquias, tetraneto de Atnai e descendente de Gerson e de Levi.
269 - BARAQUIAS
(2) Filho de Mosolan, neto de Zorobabel, bisneto de Fadaías, trineto de Jeconias, tetraneto de Joaquim e descendente do rei Josias. Foi o pai de Mesulam, um dos que ajudaram na reconstrução de Jerusalém, após o exílio babilônico, sob a supervisão de Neemias.
270 - BARAQUIAS
(3) Filho de Mesilamot, foi um dos habitantes proeminentes do "Reino de Israel" que se opuseram à intenção de se escravizar os cativos do "Reino de Judá", na época da guerra movida e perdida pelo rei Acaz.
271 - BARAQUIAS
(4) Filho de Ado e pai do Profeta Zacarias.
272 - BARED
Filho de Sutala, neto de Efraim, bisneto de José, trineto de Jacó e tetraneto de Isaac.
273 - BARNABÉ
(2) De prenome José, era oriundo de Chipre e de descendência levitica. Era um dos Profetas e o seu ministério tinha, no novo sentido carismático, por tarefa essencial a exortação à edificação e à Consolação. O codinome Barnabé que significa: “Filho da Consolação” foi-lhe dado pelos Apóstolos.
274 - BARUC
(2) Filho de Coloze, neto de Hazaías, bisneto de Adaías, trineto de Joiarib, tetraneto de Zacarias e descendente de Farés e de Judá. Um dos líderes dos hebreus que se estabeleceram na Jerusalém reconstruída durante o governo de Neemias, após o exílio babilônico.
275 - BARUC
(3) Filho de Zabai e descendente de Levi foi um dos que ajudaram na reconstrução de Jerusalém, após o exílio babilônico, sob a supervisão de Neemias.
276 - BARUC
(4) Filho de Néria, neto de Maasias, bisneto de Sedecias, trineto de Hasadias e tetraneto de Helkias, era o fiel seguidor do Profeta Jeremias com quem foi arrastado para o Egito pelos judeus rebeldes. Porém, ao contrário do profeta, Baruc sobreviveu e mais tarde retornou à Judéia donde seguiu para a Babilônia para consolar os judeus deportados. Os judeus da Palestina e alguns da antiga igreja excluíram o seu livro do rol dos Livros Sagrados, porém, os judeus da Diáspora acolheram-no e anexaram-no ao livro do Profeta Jeremias, no volume dos “Profetas Maiores”.
277 - BASEMAT
(2) Filha do rei Salomão e esposa de um dos filhos de Aquimaás que era o “prefeito” do território de Neftali durante o reinado de Salomão.
278 - BATUEL
(1) Filho de Nacor e de Melca, neto de Taré, bisneto de Nacor, trineto de Serug, tetraneto de Reu e sobrinho de Abrão. Batuel foi o pai de Labão e de Rebeca (esposa de Isaac), o avô paterno de Lia e de Raquel (esposas de Jacó) e o avô materno de Esaú e de Jacó.
279 - BECOR
Filho de Benjamim, neto de Jacó, bisneto de Isaac, trineto de Abrão e tetraneto de Taré.
280 - BECORAT
Filho de Afia e descendente de Metri e de Benjamim. Becorat era o trisavô de Saul, o primeiro rei dos hebreus.
281 - BEER
BEERI Pai de Judite e sogro de Esaú, o filho de Isaac e neto de Abrão.
282 - BEERA
(1) Filho de Baal, neto de Reaías, bisneto de Mica, trineto de Semei, tetraneto de Gog e descendente de Rúben. Beera era um dos líderes rubenitas e foi exilado por Teglatfalasar, monarca assírio.
283 - BEERA
(2) Filho de Sofa, neto de Hotam, bisneto de Heber, trineto de Beria e tetraneto de Aser.
284 - BELA
(1) Filho de Benjamim, neto de Jacó, bisneto de Isaac, trineto de Abrão e tetraneto de Taré.
285 - BELSASSAR
O rei Belsassar que se vangloriava de ser “filho de Nabucodonosor”, provavelmente, era, na verdade, filho do usurpador do trono chamado Nabunaid para quem governava esporadicamente. Belsassar foi assassinado e o rei persa chamado Dario tomou a Babilônia. Ver Nabunaid.
286 - BEN
HADAD Filho de Tabremon, neto de Hezion e o rei de Aram. Ben Hadad era residente em Damasco e aliou-se ao rei Asa do "Reino de Judá" na guerra contra Baasa, soberano do "Reino de Israel", mediante o pagamento de uma grande quantidade de ouro e de prata.
287 - BEN
HANAN (1) Filho de Igdalias era um dos Sacerdotes que viviam no Templo de Jerusalém na época do Profeta Jeremias.
288 - BEN
HANAN (2) Filho de Simon, neto de Odaia, bisneto de Caleb, trineto de Jefoné e descendente de Judá.
289 - BENJAMIM
– PATRIARCA Em hebraico significa: “filho da direita”, isto é, da boa sorte. Ao mudar o nome de seu filho caçula, de Ben-Oni para Benjamin, Jacó quis enterrar a dor que sentia com a perda de José. Benjamim era neto de Isaac e bisneto de Abrão.
290 - BENJAMIM
(2) Filho de Balan, neto de Jadiael, bisneto de Benjamim, trineto de Jacó e tetraneto de Isaac.
291 - BENUI
(2) Filho de Henadade e descendente de Levi (pela linhagem de Jesus, filho de Josedec) era o chefe de uma das famílias de levitas que serviam no Templo como “Porteiros”, na época de Neemias governador e de Esdras Sacerdote. Benui era o “prefeito” de meio distrito de Keila (Ceila).
292 - BEQUER
Filho de Efraim, neto de José, bisneto de Jacó, trineto de Isaac e tetraneto de Abrão
293 - BEREQUIAS
Filho de Mesezabel e pai de Mesulam que foi um dos que ajudaram na reconstrução de Jerusalém, após o exílio babilônico, sob a supervisão de Neemias.
294 - BERI
Filho de Sofa, neto de Hotam, bisneto de Heber, trineto de Beria e tetraneto de Aser.
295 - BERIA
(1) Filho de Elfaal, neto de Saaraim e de Husim e um dos chefes de clãs da tribo de Benjamim.
296 - BERIA
(2) Filho de Efraim, neto de José, bisneto de Jacó, trineto de Isaac e tetraneto de Abrão. Beria nasceu após a morte de seus irmãos (Ezer e Elad) e, em hebraico, seu nome é assonante a: “na desventura”, aludindo à dor de seu pai em razão das referidas mortes.
297 - BERIA
(3) Filho de Aser, neto de Jacó, bisneto de Isaac, trineto de Abrão e tetraneto de Taré.
298 - BERSAIT
Filho de Melquiel, neto de Beria, bisneto de Aser, trineto de Jacó e tetraneto de Isaac.
299 - BESELEEL
Filho de Uri, neto de Hur, bisneto de Caleb e de Efrata e descendente de Judá. Foi o artesão escolhido por Javé para lavrar em metais os objetos do Templo.
300 - BETIA
Filha do Faraó do Egito. Betia era uma das esposas de Mered, filho de Ezra, descendente de Judá. Em "Crônicas" há uma corrupção no texto e onde seria descrita a sua descendência nada é mencionado.
301 - BETSABÉIA
Filha de Eliam (Amiel ou Eliel) e esposa de Urias, o heteu, que era um valoroso soldado de Davi. Apaixonado por ela, o rei Davi engravidou-a e para dissimular insistiu para que o marido a visitasse naqueles dias. Porém, como o estratagema não obteve êxito, Davi fez com que Urias fosse destacado para um dos locais mais perigosos no front de guerra e ali fosse morto. Após a morte de Urias, Davi desposou-a e ela deu-lhe um filho que morreu. Posteriormente, deu-lhe um outro filho que foi chamado de Salomão, que viria a ser o famoso rei Salomão.
302 - BIMEAL
Filho de Jaflet, neto de Heber, bisneto de Beria, trineto de Aser e tetraneto de Jacó.
303 - BOCI
Descendente de Dã, filho de Jogli e chefe de sua tribo
304 - BOCRI
(BOCRU) Filho de Asel, neto de Elasa, bisneto de Rafa, trineto de Bana, tetraneto de Mosa, descendente do rei Saul e de Benjamin. Bocri era o pai de Seba que liderou a dispersão dos hebreus – exceto os de Judá – quando do retorno de Davi, após a morte de Absalão.
305 - BOKI
Filho de Abisua, neto de Finéias, bisneto de Eleazar, trineto de Aarão, tetraneto de Amram (Aram) e descendente de Levi.
306 - BOKIAS
Filho de Heman e descendente de Levi era um dos “Cantores” do Templo em Jerusalém.
307 - BOOZ
Filho de Raab e Salmon (Salma), neto de Naasson, bisneto de Aminadab, trineto de Ram, tetraneto de Hesron e descendente de Judá. Booz foi o segundo marido Rute (a protagonista do livro homônimo) e o bisavô do rei Davi.
308 - BOSOR
(1) Filho de Sofa, neto de Hotam, bisneto de Heber, trineto de Beria e tetraneto de Aser.
309 - BUNA
Filho de Jerameel, neto de Hesron, bisneto de Farés, trineto de Judá e de Tamar e tetraneto de Jacó.
310 - BUZ
(1) Citado em "Crônicas" era descendente de Gad – filho de Jacó – e ancestral de um clã de líderes dessa tribo.
311 - BUZ
(2) Filho de Nacor e de Melca e sobrinho de Abrão. Buz foi o patriarca de uma linhagem aparentada com Jó e o ancestral de uma tribo árabe.
312 - CAAT
Filho de Levi, neto de Jacó e Lia, bisneto de Isaac, trineto de Abrão e tetraneto de Taré. De sua linhagem é que descenderam Moisés, Aarão e a classe dos Sacerdotes.
313 - CAATITAS
Os integrantes dos clãs de Amram, Isaar, Hebron e Oziel, filhos de Caat netos de Levi e bisnetos de Jacó. Eram os responsáveis pela conservação do Santuário
314 - CABRIS
(CABRIN) Filho de Otoniel (um dos Juízes Maiores), neto de Kenaz, bisneto de Ela, trineto de Caleb, tetraneto de Jefoné e descendente de Judá, era um dos chefes da cidade de Betúlia quando esta estava prestes a ser atacada por Holofernes, na época de Judite.
315 - CADMIEL
Descendente de Levi e membro da família de Jesus (filho de Josedec) era o chefe de uma das famílias de levitas que serviam no Templo como “Porteiros”, na época de Neemias governador e de Esdras Sacerdote.
316 - CAFTOR
Povo descendente de Mesraim, filho de Cam e neto de Noé. Possivelmente os cretenses, i é, os habitantes da ilha de Creta – na Grécia - que foi o primeiro berço dos filisteus. Também é sinônimo de Creta.
317 - CAIMÃ
(CAINÃ) Filho de Enós, neto de Set e bisneto de Adão e Eva.
318 - CALAI
Membro da família de Salu era o “Sacerdote Chefe” de sua família no tempo de Joaquim, o levita filho de Jesus e neto de Sadoc.
319 - CALCOL
Filho de Zara, neto de Judá e de Tamar, bisneto de Jacó, trineto de Isaac e tetraneto de Abrão.
320 - CALE
Uma das cidades edificada por Assur, o filho de Caleb. A sua posição geográfica é incerta.
321 - CALEB
(1) Filho de Hesron, neto de Farés, bisneto de Judá, trineto de Jacó e tetraneto de Isaac.
322 - CALEB
(2) Filho de Jefoné, descendente de Judá e chefe de sua tribo. Caleb foi um fiel companheiro de Josué, o sucessor de Moisés.
323 - CALUB
Filho de Madmena, neto de Saaf, bisneto de Jadai, membro de clã de Caleb – filho de Hesron – e descendente de Judá. Também é chamado de Caleb, pai de Asca.
324 - CAM
Filho de Noé, neto de Lamec, bisneto de Matusalém, trineto de Henoc e tetraneto de Jared. Cam, vendo seu pai embriagado e nu contou aos seus irmãos o que viu e, por isso, foi amaldiçoado por Noé. A maldição estendeu-se a Canaã, seu filho, e aos descendentes deste, os cananeus.
325 - CAMAAN
(1) Filho de Berzelai, foi dado por seu pai ao rei Davi, a quem acompanhou quando de seu regresso a Jerusalém após a morte de Absalão.
326 - CAMUEL
(1) Descendente de Efraim e de José, filho de Seftã e chefe de sua tribo
327 - CAMUEL
(2) Filho de Nacor e de Melca, neto de Taré, bisneto de Nacor, trineto de Serug e tetraneto de Reu. Camuel era sobrinho de Abrão.
328 - CANAÃ
(1) Filho de Cam, neto de Noé, bisneto de Lamec, trineto de Matusalém e tetraneto de Henoc. Canaã herdou de seu pai a maldição que lhe foi imposta por Noé e repassou-a aos seus descendentes, os cananeus. Ver Cananeus.
329 - CANAANA
Filho de Balan, neto de Jadiael, bisneto de Benjamim, trineto de Jacó e tetraneto de Isaac.
330 - CANANEUS
Os descendentes de Canaã e de Cam, o filho amaldiçoado por Noé. Os cananeus herdaram de Cam a maldição que Noé rogou-lhe e sempre foram tratados na história como raça inferior, dominada pelos Semitas (descendentes de Sem) ou pelos Jafetitas (descendentes de Jafé).
331 - CARÃ
Filho de Dison e neto de Seir, o horreu.
332 - CARMES
(CARMIN) Filho de Melquiel e descendente de Simeão - filho de Jacó - era um dos chefes da cidade de Betúlia quando a mesma estava prestes a ser atacada por Holofernes.
333 - CARMI
(1) Filho de Judá, neto de Jacó, bisneto de Isaac, trineto de Abrão e tetraneto de Taré.
334 - CARMI
(2) Filho de Ruben, neto de Jacó e Lia, bisneto de Isaac, trineto de Abrão e tetraneto de Taré.
335 - CASED
Filho de Nacor e de Melca, neto de Taré, bisneto de Nacor, trineto de Serug e tetraneto de Reu. Cased era sobrinho de Abrão.
336 - CASLUÍTAS
Povo descendente de Misraim (filho de Cam) que habitava o monte Cásio, a nordeste do Egito, donde emigraram uma parte dos filisteus.
337 - CEDAR
Filho de Ismael e neto de Abrão e de Agar, serva de Sara. Ancestral dos Cedarenos.
338 - CEDARENOS
Povo nômade que descendia de Cedar, filho de Ismael e neto de Abrão.
339 - CEDMA
Filho de Ismael e neto de Abrão e de Agar, serva de Sara.
340 - CENEZ
Filho de Elifaz e de Tamna (sua amante), neto de Esaú e de Ada, bisneto de Isaac, trineto de Abrão e tetraneto de Taré. Era um dos chefes de uma região no território de Edom.
341 - CIS
(KIS) Filho de Abiel, neto de Seror, bisneto de Becorat, trineto de Afia e descendente de Benjamim. Cis foi o pai de Saul, o primeiro rei dos israelitas.
342 - CITEUS
Os habitantes da ilha de Chipre que descendiam de Jafé, filho de Noé. Citeu é derivativo de Citium, cidade daquela ilha.
343 - COLAÍAS
Filho de Maaséias, neto de Eteel, bisneto de Isaías e descendente de Benjamim. Era um dos líderes dos hebreus que se estabeleceram na Jerusalém reconstruída durante o governo de Neemias, após o exílio babilônico.
344 - COLOZE
Filho de Hazaías, neto de Adaías, bisneto de Joiarib, trineto de Zacarias, tetraneto de Aías (o Siloita) e descendente de Farés e de Judá. Era um dos líderes dos hebreus que se estabeleceram na Jerusalém reconstruída durante o governo de Neemias, após o exílio babilônico. Era, também, o pai de Salum, o “prefeito” de Masfa.
345 - CORÉ
(1) Filho de Isaar, neto de Caat, bisneto de Levi, trineto de Jacó e tetraneto de Isaac. Coré, junto com outros, rebelou-se contra Moisés e contra Aarão e como castigo divino foi engolido, junto com sua família, pela terra que se abriu sob a sua tenda.
346 - CORÉ
(2) Filho de Esaú e de Oolibama, neto de Isaac, bisneto de Abrão, trineto de Taré e tetraneto de Nacor.
347 - CORÉ
(3) Filho de Abiasaf, neto de Corá e descendente de Levi. É citado em "Crônicas" como um dos “Porteiros” do Templo em Jerusalém.
348 - CORÉ
(4) Filho de levita Jemla, era o “Porteiro” na porta oriental do Templo em Jerusalém e, também, o encarregado de fazer as oblações a Deus e de distribuir as primícias oferecidas ao Senhor e às outras coisas sacrossantas.
349 - CUSI
(1) Filho de Abdi, neto de Maluc, bisneto de Hasabias, trineto de Amasias, tetraneto de Helkias e descendente de Merari e de Levi.
350 - CUSI
(2) Filho de Godolias, neto de Amarias, bisneto de Ezequias e pai do Profeta Sofonias.
351 -
– PATRIARCA Filho de Jacó e de Bala (serva de Raquel), neto de Isaac, bisneto de Abrão, trineto de Taré, tetraneto de Nacor e patriarca da tribo homônima. Em hebraico seu nome significa: “[Deus] fez justiça”.
352 - DADÃ
(1) Filho de Jecsã, neto de Abraão e de Cetura, bisneto de Taré, trineto de Nacor e tetraneto de Serug.
353 - DADÃ
(DEDAN) (2) Filho de Regma, neto de Cuch, bisneto de Cam, trineto de Noé e tetraneto de Lamec.
354 - DALAÍAS
(1) Filho de Elioenai, neto de Naarias, bisneto de Sequenias, trineto de Hananias, tetraneto de Zorobabel e descendente do rei Josias.
355 - DALAÍAS
(2) Filho de Metabeel é o ancestral de uma das famílias hebréias que retornaram do exílio babilônico. Dalaías era o pai de Semaías que abrigou Neemias quando da ameaça de Noedias
356 - DALAÍAS
(3) Filho de Semaías era um dos altos dignitários da corte do rei Eliacim na época do Profeta Jeremias.
357 - DALFÃO
Um dos filhos de Am㠖 cortesão do rei Xerxes I, da Pérsia, e inimigo dos hebreus. Ver Amã.
358 - DANABA
(DENABA) Cidade situada no país de Edom cujo rei chamava-se Bela. Ver Bela, filho de Beor.
359 - DANIEL
(2) Filho do rei Davi e de Abigail, de Carmel. Era neto de Jessé, bisneto de Booz, trineto de Naasson e descendente de Judá. Seu nome também é grafado como Queleab. Ver Queleab.
360 - DARDA
Filho de Zara, neto de Judá e de Tamar, bisneto de Jacó, trineto de Isaac e tetraneto de Abrão. Era um grande sábio e é citado em “Reis” para comparar e enaltecer a inteligência superior de Salomão.
361 - DÁRIO
I Imperador da Pérsia entre 521-485 a.C. Era filho de Cambises e neto do imperador Ciro.
362 - DATÃ
(DATAN) (1) Filho de Eliab, neto de Falu, bisneto de Rúben, trineto de Jacó e tetraneto de Isaac. Junto com outros, Datã rebelou-se contra Moisés e por isso foi engolido pela terra.
363 - DAVI
– REI Filho de Jessé, neto de Obed, bisneto de Booz, trineto de Salmon (Salma) e de Raab, tetraneto de Naassom e descendente de Judá pela linhagem de Jerameel. Era um humilde pastor que foi escolhido por Javé para suceder ao rei Saul e, graças à intervenção de Javé, matou em combate o gigante filisteu chamado Golias, tornando-se um célebre guerreiro e o chefe militar das milícias do rei. Posteriormente, Saul, invejoso das proezas e da fama de Davi, passou a odiá-lo e tentou matá-lo em várias ocasiões, mas, não obstante essa perseguição, o prestigio de Davi cresceu continuamente e após a morte de Saul, em combate contra os filisteus, foi o seu sucessor e, consequentemente, o segundo rei de Israel. Reinou durante quarenta anos, sendo sete em Hebron e trinta e três em Jerusalém, e foi durante o seu reinado que Israel atingiu grande poderio militar, sólida prosperidade e observação rigorosa dos preceitos do Senhor.
364 - DECLA
Filho de Jectã, neto de Héber, bisneto de Salé, trineto de Arfaxad e tetraneto de Noé.
365 - DEMÉTRIO,
NICATOR ou NICACOR (145-139 a.C.) e (129-125 a.C.) Filho e sucessor de Demétrio I, Soter.
366 - DEMÉTRIO,
SOTER (162-150 a.C.) Filho de Selêuco Filopator foi um dos reis Selêucidas (gregos) que em épocas distintas foram inimigos ou aliados dos hebreus retornados do exílio babilônico. Era membro da dinastia que intermitentemente lutava contra a dos Lágidas (Os Tolomeus, do Egito) visando o controle da Palestina.
367 - DESPOJO-RÁPIDO,
PRESA VELOZ O nome que o profeta Isaías deu a um de seus filho, conforme a ordem de Javé. É uma referência à tomada da Samaria (ou do "Reino de Israel") pela Assíria.
368 - DIÓSCÓROS
Emblema que representava Castor e Pólux, filhos de Júpiter e de Lêda e considerados deuses tutelares, especialmente, dos navegantes. Suas imagens eram esculpidas nas popas das embarcações.
369 - DISÃ
Filho do horreu Seir
370 - DISON
(1) Filho de Ana e neto de Seir, o horreu.
371 - DISON
(2) Filho de Seir, o horreu, e ancestral de Hamdã, Esebã, Jetrã e Carã.
372 - DOC
A lembrança do “Forte Doc” subsiste atualmente na fonte Ain Duk, cerca de 8 km a noroeste da atual Jericó (Er-Riba), aos pés do monte chamado de Quarentena (em árabe, Karantal). Foi ali que Simão – dos Macabeus – foi morto junto com dois de seus filhos.
373 - DRUSSILA
Filha de Herodes Agripa I, era judia e foi desposada primeiramente por Azizo (rei de Emessa, na Síria) e depois pelo Governador Felix que a tirou do primeiro marido. Drussila era irmã de Herodes Agripa II e de Berenice e, segundo a tradição, morreu junto com seu filho vitimada pelos gazes oriundos da erupção de Vesúvio ocorrida durante o reinado de Tito (79-81 dC.). Ver Felix.
374 - DUDU
Provavelmente o nome egípcio dado a José, filho de Jacó. Ver Tell-Amarna.
375 - DUMA
(1) Filho de Ismael, neto de Abrão e de Agar (serva de Sara), bisneto de Taré, trineto de Nacor e tetraneto de Serug.
376 - EBAL
(1) Filho de Jectã, neto de Héber, bisneto de Salé, trineto de Arfaxad e tetraneto de Noé.
377 - EBAL
(2) Filho de Sobal e neto de Seir, o horreu.
378 - EBED
Filho de Jonatan e descendente de Adin, era o chefe de uma das famílias hebréias que seguiram Esdras no retorno no exílio na Babilônia.
379 - EBEDMELEC
Chamado de “O Cusita”, era um dos oficiais do rei Sedecias. Foi ele quem intercedeu junto ao rei e conseguiu salvar o Profeta Jeremias que havia sido jogado na cisterna da casa de Malquias, filho do rei.
380 - EBER
(1) Membro da família de Amoc era o “Sacerdote Chefe” de sua família no tempo de Joaquim, o levita filho de Jesus e neto de Sadoc.
381 - EDEN
(1) Filho de Joá e descendente de Gerson e de Levi, foi um dos que purificaram o Templo de Jerusalém que fora aviltado durante o reinado de Acaz. Era o encarregado de distribuir os dízimos aos outros levitas e sacerdotes em sua comunidade.
382 - EDER
É citado em "Crônicas" como filho de Mali, neto de Musi, bisneto de Merari , trineto de Levi e tetraneto de Abrão.
383 - EDOMITAS
Os descendentes de Esaú, filho de Jacó. Na Idade Clássica eram chamados de “Idumeus”.
384 - EFA
(1) Uma das concubinas de Caleb, o filho de Hesron, com quem gerou três filhos.
385 - EFA
(2) Filho de Jadai e membro do clã de Caleb, o filho de Hesron, neto de Farés e bisneto de Judá.
386 - EFA
(3) Filho de Madiã, neto de Abraão e de Cetura, bisneto de Taré, trineto de Nacor e tetraneto de Serug.
387 - EFER
(1) Filho de Ezra e membro da tribo de Judá. O texto, em "Crônicas", não fornece mais referências sobre a sua ascendência.
388 - EFRAIM
(2) O segundo filho de José e de Asenet, neto de Jacó, bisneto de Isaac, trineto de Abrão e tetraneto de Taré. Efraim é um vocábulo que vem de uma raiz cujo significado é “ser fecundo, fértil”.
389 - EFRATA
(2) Viúva de Hesron (o filho de Farés e neto de Judá) e a segunda esposa de Caleb, que antes fora o seu enteado.
390 - EFRON
(1) Filho do heteu Seor e proprietário da “Gruta de Macpela” onde Sara – mulher de Abrão - foi sepultada.
391 - ELA
(2) Filho de Caleb, neto de Jefoné e descendente de Judá. Em "Crônicas" não há menção de suas outras relações de parentesco.
392 - ELA
(3) Filho e sucessor de Baasa no governo do "Reino de Israel". Ela reinou por dois anos e foi assassinado por Zambri, um de seus chefes militares, que lhe sucedeu no governo.
393 - ELA
(4) É citado em "Crônicas" como filho de Ozi, neto de Macri e descendente de Benjamim.
394 - ELAD
Filho de Sutala, neto de Efraim, bisneto de José, trineto de Jacó e tetraneto de Isaac.
395 - ELADA
Filho de Taat, neto de Bared, bisneto de Sutala, trineto de Efraim e tetraneto de José.
396 - ELAM
(1) Filho de Meselemia e descendente de Coré e de Levi. Era um dos “Porteiros” do Templo em Jerusalém.
397 - ELAM
(2) Filho de Sasac, neto de Elfaal, bisneto de Saaraim e de Husim e chefe de um dos clãs da tribo de Benjamim.
398 - ELAM
(3) Filho de Sem, neto de Noé, bisneto de Lamec, trineto de Matusalém e tetraneto de Henoc.
399 - ELANAN
Filho de Dodo e natural de Belém era um dos chamados "Heróis de Davi", grupo de proeminentes guerreiros fiéis ao rei Davi.
400 - ELASA
(1) Filho de Heles, neto de Azarias, bisneto de Jeú, trineto de Obed, tetraneto de Eflal (Oflal) e descendente de Judá.
401 - ELASA
(2) Filho de Rafa (Rafaías), neto de Baana, bisneto de Mosa, trineto de Zamri, tetraneto de Joada e descendente do rei Saul.
402 - ELASA
(4) Filho de Safan, foi um dos portadores da carta enviada pela Profeta Jeremias aos hebreus deportados na Babilônia.
403 - ELCANA
(1) Filho de Assir, neto de Coré, bisneto de Aminadab, trineto de Caat e tetraneto de Levi. Elcana foi um dos seguidores de Davi quando este fugia do rei Saul.
404 - ELCANA
(2) O pai de Samuel, o Juiz e Sacerdote. Elcana era filho de Jeroam, neto de Eliú (Eliab), bisneto de Toú (Naat), trineto de Suf (Sofai), tetraneto de Aminadab e descendente de Caat e de Levi. Era casado com duas mulheres: Fenena e Ana. Com Ana é que gerou o Sacerdote.
405 - ELCANA
(3) Filho de Aimot, neto de Elcana, bisneto de Assir, trineto de Coré, tetraneto de Aminadab e descendente de Caat e de Levi.
406 - ELCANÃ
(5) Filho de Jair, residente em Belém, foi quem matou o filisteu chamado de “Golias de Sat”.
407 - ELDAÁ
Filho de Madiã, neto de Abraão e de Cetura, bisneto de Taré, trineto de Nacor e tetraneto de Serug.
408 - ELEAZAR
(1) Filho de Mali, neto de Merari, bisneto de Levi, trineto de Jacó e tetraneto de Isaac.
409 - ELEAZAR
(2)Filho de Aarão, sobrinho de Moisés, neto de Aram, bisneto de Caat, trineto de Levi e tetraneto de Jacó. Tal como seu pai, foi um dos escolhidos para a função de Sacerdote.
410 - ELEAZAR
(3) Filho de Dodo “O Aoita”, Eleazar pertencia ao “Grupo dos Três”, a elite máxima das forças militares do rei Davi.
411 - ELEAZAR
(4) Apelidado de Avaron ou Avaran era filho de Matatias, neto de João, bisneto de Simeão e descendente de Joarib, da linhagem de Finéias e de Aarão. Era um dos valorosos irmãos Macabeus.
412 - ELEAZAR
(6) Filho do Sacerdote Finéias era um dos Sacerdotes que inventariaram as ofertas oferecidas para a reconstrução do Templo em Jerusalém que ocorreu após o retorno do exílio babilônico.
413 - ELEAZAR
(OZA) (9) Filho de Abinadab, é citado em “Samuel” como o homem que acolheu em sua residência, em Cariat Jearim, a "Arca da Aliança” quando a mesma foi devolvida pelos filisteus que a haviam tomado no campo de batalha. Em hebraico, Eleazar pode ser sinônimo de Oza.
414 - ELEAZAR
(10) Filho de Eliud, neto de Aquim e descendente da linhagem de Judá. Eleazar foi trisavô de Jesus, o Messias.
415 - ELFAAL
(1) Filho (ou neto) de Saaraim e de Husim. Elfaal era chefe de um dos clãs da tribo de Benjamim.
416 - ELIA
É citado em "Crônicas" como filho de Jerimot (Jeroam), neto de Elfaal, bisneto de Saaraim e de Husim e chefe de um dos clãs da tribo de Benjamim.
417 - ELIAB
(1) Filho de Naat, neto de Sofai, bisneto de Elcana, trineto de Aimot, tetraneto de Elcana e descendente de Caat e de Levi. É citado em "Crônicas" como um dos “Porteiros” do Templo em Jerusalém.
418 - ELIAB
(2) Filho de Falu, neto de Rúben, bisneto de Jacó, trineto de Isaac e tetraneto de Abrão.
419 - ELIAB
(3) Filho de Helon e descendente de Zabulon. Era o chefe da tribo de seu antepassado quando da caminhada rumo à “Terra Prometida”.
420 - ELIAB
(4) Filho de Jessé, neto de Obed, bisneto de Booz, trineto de Salmon (Salma), tetraneto de Naassom e descendente de Judá. Era irmão do rei Davi e o chefe da tribo de Judá durante o reinado deste.
421 - ELIAB
(5) Filho de Joab, era o chefe do exército durante o reinado de Salomão.
422 - ELIAB
(7) Descendente de Simeão (filho de Jacó) era da linhagem da qual descendeu a heroína Judite. Ver Judite.
423 - ELIACIM
(1) Filho de Helcias, era o administrador do palácio durante o reinado de Ezequias.
424 - ELIACIM
(JOAQUIM) (3) Filho do rei Josias e o sucessor (imposto pelo Faraó Necao) de Joacaz. Eliacim – cujo nome foi mudado pelo Faraó para Joaquim - tinha vinte e cinco ano quando foi coroado e reinou por onze, em Jerusalém. Sua mãe chamava-se Zebida, era filha de Fadaías e natural de Ruma. Eliacim cometeu vários pecados contra Javé e foi em seu reinado que Nabucodonosor, rei da Babilônia, invadiu e conquistou o "Reino de Judá". Quando morreu foi sucedido por Jeconias, seu filho.
425 - ELIADA
Um dos filhos que o rei Davi teve em Jerusalém. Também é chamado de “Baaliada”, porque El = Deus e Baal = Senhor são sinônimos.
426 - ELIAF
Filho de Sisa, era um dos secretários durante o reinado de Salomão.
427 - ELIAKIM
A outra grafia de Eliacim. Ver Eliacim, filho de Helcias (Helkias) ou Eliacim, filho do rei Josias.
428 - ELIAM
Natural de Gilo e filho de Aquitofel era um dos componentes do grupo "Dos Trinta", a guarda pessoal do rei Davi.
429 - ELIAS
(2) Descendente de Simeão (filho de Jacó) era da linhagem da qual descendeu a heroína Judite. Ver Judite.
430 - ELIASAF
(1) Filho de Lael, descendente de Gerson e de Levi, era o comandante dos Gersonitas.
431 - ELIASAF
(2) Filho de Reuel e descendente de Gad, era o chefe da tribo de seu antepassado quando da caminhada rumo à “Terra Prometida”
432 - ELIASIB
(1) Filho de Elioenai, neto de Naarias, bisneto de Sequenias, trineto de Hananias, tetraneto de Zorobabel e descendente do rei Josias.
433 - ELIASIB
(2) Filho de Jojada, neto de Jonatan, bisneto de Jadua e descendente de Levi. Era um dos levitas que serviam no Templo quando da assunção de Davi ao trono de Israel.
434 - ELIATA
Filho de Heman e descendente de Levi era um dos “Cantores” do Templo em Jerusalém.
435 - ELIDAD
Descendente de Benjamim, filho de Caselon e um dos chefes de sua tribo.
436 - ELIEL
(1) Filho de Sama (Semei), neto de Elfaal, bisneto de Saaraim e de Husim e chefe de um dos clãs da tribo de Benjamim.
437 - ELIEL
(2) Filho de Sasac, neto de Elfaal, bisneto de Saaraim e de Husim e chefe de um dos clãs da tribo de Benjamim.
438 - ELIEZER
(2) Filho de Becor, neto de Benjamim, bisneto de Jacó, trineto de Isaac e tetraneto de Abrão.
439 - ELIEZER
(3) Filho de Moisés, neto de Aram, bisneto de Caat, trineto de Levi e tetraneto de Jacó
440 - ELIEZER
(4) Filho de Zecri era o chefe da tribo de Rúben durante o reinado de Davi.
441 - ELIEZER
(5) Natural de Maresa e filho de Dodia, foi quem repreendeu o rei Josafá por ter-se aliado com o ímpio rei Acazias do "Reino de Israel" e por ter construído com a sua parceria os grandes navios.
442 - ELIEZER
(8) Sacerdote que descendia de Jesus – filho de Josédec – e um dos líderes dos judeus alforriados do cativeiro na Babilônia.
443 - ELIFAL
Filho de Ur (Hur) era um dos chamados "Heróis de Davi", grupo de proeminentes guerreiros fiéis ao rei Davi.
444 - ELIFALET
(1) Filho de Asbaí e natural de Bet-Maaca era um dos componentes do grupo "Dos Trinta", a guarda pessoal do rei Davi.
445 - ELIFALET
(2) Filho de Davi, neto de Jessé, bisneto de Obed, trineto de Booz, tetraneto de Salmon e descendente de Judá. Foi um dos filhos que Davi teve em Jerusalém.
446 - ELIFALET
(3) Filho de Esec, neto de Elasa, bisneto de Rafa, trineto de Banaa, tetraneto de Mosa e descendente do rei Saul e de Benjamim.
447 - ELIFAZ
(1) Um dos amigos de Jó que foram consolá-lo pela morte de seus filhos, pela sua ruína e pela sua enfermidade. Chamado de “Rei” em algumas versões, era oriundo de Temã, um povoado (ou uma tribo) da Iduméia,
448 - ELIFAZ
(2) Filho de Esaú e de Ada, neto de Isaac, bisneto de Abrão, trineto de Taré e tetraneto de Nacor.
449 - ELIOENAI
(1) Filho de Sama (Semei), neto de Elfaal, bisneto de Saaraim e de Husim e chefe de um dos clãs da tribo de Benjamim.
450 - ELIOENAI
(2) Filho de Becor, neto de Benjamim, bisneto de Jacó, trineto de Isaac e tetraneto de Abrão.
451 - ELIOENAI
(3) Filho de Naarias, neto de Sequenias, bisneto de Hananias, trineto de Zorobabel, tetraneto de Fadaías e descendente do rei Josias.
452 - ELIOENAI
(5) Filho de Meselemia e descendente de Coré e de Levi. Era um dos “Porteiros” do Templo em Jerusalém.
453 - ELIOENAI
(7) Filho de Zaraías e descendente de Faat-Moab era o chefe de uma das famílias que seguiram Esdras no retorno no exílio na Babilônia.
454 - ELISA
(1) Filho de Javan, neto de Jafé, bisneto de Noé, trineto de Lamec e tetraneto de Matusalém.
455 - ELISAFÃ
(1) Descendente de Zabulon, filho de Farnac e chefe de sua tribo.
456 - ELISAFÃ
(ELISÃ) (2) Filho de Oziel, sobrinho de Moisés, neto de Caat, bisneto de Levi, trineto de Jaco, tetraneto de Isaac e chefe dos Caatitas.
457 - ELISAFAT
Filho de Zecri, foi um dos chefes militares convocados pelo sacerdote Jojada para destituir a rainha Atalia do trono e coroar Joás, filho de Acazias, em seu lugar.
458 - ELISAMA
(1) Filho de Amiud, neto de Laadan, bisneto de Taan, trineto de Tale, tetraneto de Resef e descendente de Efraim e de José. Era o chefe da tribo de seu antepassado quando da caminhada rumo à “Terra Prometida”.
459 - ELISAMA
(2) Filho de Davi, neto de Jessé, bisneto de Obed, trineto de Booz, tetraneto de Salmon e descendente de Judá. Elisama foi um dos filhos que Davi teve em Jerusalém.
460 - ELISAMA
(3) Filho de Jecamias (Icamias), neto de Selum, bisneto de Sismai, trineto de Elasa, tetraneto de Heles e descendente de Jerameel e de Judá.
461 - ELISEU
– PROFETA Filho de Safat e natural de Abel-Meúla, era discípulo do Profeta Elias. Com o arrebatamento de Elias aos céus, Eliseu herdou os seus dons e tornou-se figura destacada e respeitada pelos populares e pelos líderes hebreus.
462 - ELISUA
Filho de Davi, neto de Jessé, bisneto de Obed, trineto de Booz, tetraneto de Salmon e descendente de Judá. Elisua foi um dos filhos que Davi teve em Jerusalém. Também é chamado de Noge.
463 - ELISUR
Filho de Sedeur e descendente de Ruben. Era o chefe da tribo de seu antepassado quando da caminhada rumo à “Terra Prometida”
464 - ELIÚ
(3) Filho de Jozabad, neto de Obed-Edom e descendente de Coré e de Levi. Era um dos “Porteiros” do Templo em Jerusalém.
465 - ELIÚ
(4) Filho de Baraquel e descendente de Buz (irmão de Hes) foi o jovem que contra argumentou com Jó quando esse questionava a justiça divina.
466 - ELIUD
Filho de Aquim e descendente da linhagem do rei Davi, Eliud foi o tetravô de Jesus, o Messias.
467 - ELMODAD
(ALMODAD) Filho de Jectã, neto de Héber, bisneto de Salé, trineto de Arfaxad e tetraneto de Noé.
468 - ELNATAN
(2) Filho de Acbor, era um dos altos dignitários da corte do rei Eliacim na época do Profeta Jeremias. Também foi um dos captores do vidente Urias. Ver Urias, filho de Semaías.
469 - ELON
(3) Pai de Basemat e sogro de Esaú, o filho de Isaac e irmão de Jacó.
470 - EMAM
Filho de Lotã e neto de Seir, o horreu.
471 - ENÓS
Filho de Set e neto de Adão e Eva. Foi ele o primeiro a invocar o nome de Javé, ou seja, a prestar culto religioso ao Senhor.
472 - ESAÚ
Nome hebraico que significa: “hisurto, peludo”. Esaú foi o filho primogênito de Isaac e de Rebeca, neto de Abrão, bisneto de Taré, trineto de Nacor e tetraneto de Sarug. Era irmão de Jacó, mas a sua descendência (que herdou o território de Edom) não teve a mesma importância na história bíblica.
473 - ESBON
Filho de Bela, neto de Benjamim, bisneto de Jacó, trineto de Isaac e tetraneto de Abrão.
474 - ESCEVAS
O Sacerdote Chefe dos judeus de Éfeso. Seus filhos eram exorcistas fraudadores e ao usarem indevidamente o nome de Jesus foram severamente castigados por um homem que estava endemoniado.
475 - ESDRAS
(1) Filho de Saraías, neto de Azarias, bisneto de Helkias, trineto de Salum, tetraneto de Sadoc e descendente da linhagem de Eleazar, filho de Aarão. Esdras era Sacerdote e um Doutor da “Lei de Javé” entregue a Moisés. No 7o ano do reinado de Artaxerxes I (458 a.C.) partiu da Babilônia para Jerusalém levando consigo os outros Sacerdotes, os Levitas, os Cantores e os “Porteiros” do Templo, os Oblatos e colocou em vigor as normas religiosas e civis entre os israelitas retornados do exílio babilônico, fazendo a reconstrução das estruturas judaicas. Esdras era o Sumo Sacerdote na época em que Neemias era o Governador da Jerusalém reconstruída.
476 - ESEBÃ
Filho de Dison e neto de Seir, o horreu.
477 - ESEC
Irmão de Asel, filho de Elasa, neto de Rafa, bisneto de Banaa, trineto de Mosa, tetraneto de Zamri e descendente do rei Saul.
478 - ESER
Filho do horreu Seir e ancestral de Balaã, Zavã e Acã.
479 - ESES
Filho de Elasa, neto de Rafa, bisneto de Banaa, trineto de Mosa, tetraneto de Zamri e descendente do rei Saul.
480 - ESRIEL
Filho de Galaad, neto de Maquir, bisneto de Manassés, trineto de José e tetraneto de Jacó
481 - ESTEMOA
Filho de Odaia, neto de Caleb, bisneto de Jefoné e descendente de Judá. Estemoa era chamado de “O Macateu”, numa provável alusão a um (a) antepassado (a) chamado (a) Maaca.
482 - ESTON
Filho de Calub, neto de Madmena, bisneto de Saaf, trineto de Jadai, membro do clã de Caleb, filho de Hesron, e descendente de Judá. Eston foi o ancestral das famílias de Rafa, Fasé e Teína.
483 - ETAÍ
(1) Filho de Ribaí e natural de Gabaá de Benjamim era um dos chamados "Heróis de Davi", grupo de proeminentes guerreiros fiéis ao rei Davi.
484 - ETAM
(ETÃ) (1) Filho de Zara, neto de Judá e de Tamar, bisneto de Jacó, trineto de Isaac e tetraneto de Abrão. Chamado “O ezraíta” era um dos grandes sábios que são citados em “Reis” para comparar e enaltecer a inteligência superior de Salomão.
485 - ETAN
(1) Filho de Cusi (Cusaia), neto de Abdi, bisneto de Maluc, trineto de Hasabias, tetraneto de Amasias e descendente de Merari e de Levi. Quando das celebrações pelo fato da "Arca da Aliança" estar em Jerusalém, Etam e os seus parentes foram encarregados pelo rei Davi de louvarem a Javé. Eram os “cantores” do Templo.
486 - ETAN
(2) Filho de Zama, neto de Semei, bisneto de Jaat, trineto de Gerson e tetraneto de Levi.
487 - ETEEL
Filho de Isaías e descendente de Benjamim. Era um dos líderes dos hebreus que se estabeleceram na Jerusalém reconstruída durante o governo de Neemias, após o exílio babilônico.
488 - ETNAM
Filho de Hur e de Halaa, neto de Caleb, bisneto de Hesron, trineto de Farés e tetraneto de Judá.
489 - EUD
Filho de Balan, neto de Jadiael, bisneto de Benjamim, trineto de Jacó e tetraneto de Isaac.
490 - EUPÓLEMO
Provavelmente é o escritor sobre assuntos judaicos (em grego) de quem Clemente Alexandrino e Eusébio resgataram alguns textos. Era filho de João, neto de Aco e, junto com Jasão, foi um dos embaixadores enviados a Roma, por ordem de Judas Macabeu, para travar alianças com os romanos. Eupolemo era membro da linhagem dos Sacerdotes.
491 - EZEQUIAS
(1) Filho de Naarias, neto de Sequenias, bisneto de Hananias, trineto de Zorobabel, tetraneto de Fadaías e descendente do rei Josias.
492 - EZEQUIAS
(2) Filho de Salum, foi um dos habitantes proeminentes do "Reino de Israel" que se opuseram à intenção de se escravizar os cativos do "Reino de Judá", na época da guerra movida e perdida pelo rei Acaz, do "Reino de Judá".
493 - EZEQUIAS
(3) Filho e sucessor de Acaz no trono do "Reino de Judá". Ezequias tinha vinte e cinco anos quando subiu ao trono e reinou por vinte e nove, em Jerusalém. Sua mãe chamava-se Abia e era filha de Zacarias. Ezequias foi fiel a Javé e rebelou-se contra a Assíria e derrotou os filisteus. Quando morreu foi sucedido por Manassés, seu filho.
494 - EZEQUIEL
– PROFETA Filho do Sacerdote Buzi e membro da classe dos Sacerdotes, Ezequiel foi contemporâneo do Profeta Jeremias, na época do exílio assírio. Em 597 a.C., antes de ter completado trinta anos, foi deportado para a Caldéia juntamente com o rei Jeconias e permaneceu no exílio até 571-561 a.C., quando morreu. Todas as suas visões vinculam-se aos acontecimentos de sua época: o castigo de Javé, a idolatria que o motivou e a promessa de redenção.
495 - EZER
(2) Filho de Sutala, neto de Efraim, bisneto de José, trineto de Jacó e tetraneto de Isaac.
496 - EZER
(4) Descendente de Jesus (filho de Josédec) e de Levi, era Sacerdote e o chefe do distrito de Masfa. Foi um dos que ajudaram na reconstrução de Jerusalém, após o exílio babilônico, sob a supervisão de Neemias.
497 - EZRI
Filho de Quelub era o supervisor dos agricultores durante o reinado do rei Davi.
498 - EZRICAM
(1) Filho de Asel, neto de Elasa, bisneto de Rafa, trineto de Banaa, tetraneto de Mosa e descendente do rei Saul.
499 - EZRICAM
(2) Filho de Naarias, neto de Sequenias, bisneto de Hananias, trineto de Zorobabel, tetraneto de Fadaías e descendente do rei Josias.
500 - EZRICAM
(4) Filho de Hasebia e descendente de Merari e de Levi.
501 - EZRIEL
(2) Filho de Jeroam, era o chefe da tribo de Dã durante o reinado do rei Davi.
502 - FACÉIA
(FAKÉ) Filho de Romelias, foi quem matou o rei Facéias e usurpou o trono do "Reino de Israel", reinando por vinte anos e cometendo vários pecados contra Javé. Foi durante o seu reinado que ocorreu a invasão assíria comandada por Teglatfalasar. Por fim, acabou sendo morto por Oséias, filho de Ela, que lhe sucedeu.
503 - FACÉIAS
(FAKÉIA) Filho e sucessor de Manaém no trono do "Reino de Israel". Reinou em Samaria por dois anos e foi assassinado por um de seus oficiais, chamado Facéia, que lhe sucedeu no trono.
504 - FADAÍAS
(1) Filho de Jeconias, neto de Joaquim, bisneto de Josias e descendente do rei Salomão.
505 - FADAÍAS
(4) Filho de Colaías, neto de Maaséias, bisneto de Eteel, trineto de Isaías e descendente de Benjamim. Era um dos líderes dos hebreus que se estabeleceram na Jerusalém reconstruída durante o governo de Neemias, após o exílio babilônico.
506 - FADAÍAS
(5) Filho de Faros, foi um dos que ajudaram na reconstrução de Jerusalém, após o exílio babilônico, sob a supervisão de Neemias.
507 - FALAL
Filho de Uziel, foi um dos que ajudaram na reconstrução de Jerusalém, após o exílio babilônico, sob a supervisão de Neemias.
508 - FALEG
Filho de Héber, neto de Salé, bisneto de Arfaxad, trineto de Noé e tetraneto de Lamec. Faleg, em hebraico, significa: “divisão” e, de fato, foi em sua época que a Terra foi dividida entre os vários povos.
509 - FALET
(1) Filho de Jadai e membro do clã de Caleb, o filho de Hesron, neto de Farés e bisneto de Judá.
510 - FALET
(2) Filho de Jônatas (Jonatam), neto de Jada, bisneto de Onam, trineto de Jerameel, tetraneto de Hesron e descendente de Judá.
511 - FALET
(3) Filho de Azmot e membro da tribo de Benjamim, foi um dos que seguiram Davi enquanto ele era perseguido pelo rei Saul.
512 - FALTI
(EL) Filho (ou natural?) de Laís de Galim, foi o segundo marido de Micol, a filha do rei Saul. Ver Micol.
513 - FALTI
Filho de Rafu e descendente de Benjamim foi um dos exploradores do país de Canaã, conforme as ordens de Moisés.
514 - FALTIAS
(1) Filho de Jesi e membro da tribo de Simeão. Junto com seus irmãos, liderou um exército que avançou até a montanha do Seir conquistando um vasto território.
515 - FALTIAS
(2) Filho de Hananias, neto de Zorobabel, bisneto de Fadaías, trineto de Jeconias, tetraneto de Joaquim e descendente do rei Josias.
516 - FALTIEL
Descendente de Issacar, filho de Ozã e um dos chefes de sua tribo
517 - FALU
Filho de Ruben, neto de Jacó e Lia, bisneto de Isaac, trineto de Abrão e tetraneto de Taré.
518 - FANUEL
(3) Filho de Sasac, neto de Elfaal, bisneto de Saaraim e de Husim e chefe de um dos clãs da tribo de Benjamim.
519 - FARÉS
Filho de Judá e de Tamar (sua ex nora), neto de Jacó, bisneto de Isaac, trineto de Abrão e tetraneto de Taré. Da linhagem de Farés é que descendeu o rei Davi. Em hebraico é escrito “Perez” que significa: “brecha, ruptura”.
520 - FASAC
Filho de Jaflet, neto de Heber, bisneto de Beria, trineto de Aser e tetraneto de Jacó.
521 - FASÉ
É citado em "Crônicas" como membro da família que descendia de Calub, o filho de Madmena, neto de Saaf, bisneto de Jadai e descendentes de Caleb e de Judá.
522 - FASFA
Filho de Jeter, neto de Sofa, bisneto de Hotam, trineto de Heber, tetraneto de Beria e descendente de Aser.
523 - FASSUR
(FASUR) Filho de Melquias (Malquis), neto de Maasai, bisneto de Adiel, trineto de Jazera, tetraneto de Mesulam e membro da linhagem dos sacerdotes. Fassur viveu na época do exílio babilônico.
524 - FASUR
Filho de Imer, era o Sacerdote Superintendente do Templo de Jerusalém, na época do reinado de Sedecias, por volta de 580 a.C.. Foi ele quem ordenou que o Profeta Jeremias sofresse uma de suas prisões e suplícios.
525 - FATAÍAS
(2) Filho de Mesezabel e descendente de Zara e de Judá, era o auxiliar direto do “rei” da Jerusalém reconstruída após o exílio babilônico, para os assuntos não religiosos do povo.
526 - FATRUSEUS
Povo descendente de Misraim (o filho de Cam) que habitava o “Alto Egito”.
527 - FAULATI
Filho de Obed-Edom e descendente de Coré e de Levi. Era um dos “Porteiros” do Templo em Jerusalém.
528 - FEDAEL
Descendente de Neftali, filho de Amiud e um dos chefes de sua tribo.
529 - FEGIEL
Filho de Ocrã e descendente de Aser. Era o chefe da tribo de seu antepassado quando da caminhada rumo à “Terra Prometida”.
530 - FELAÍAS
Filho de Amsi, neto de Zacarias, bisneto de Fasur, trineto de Malquias, descendente de Levi e membro da classe dos Sacerdotes. Era o ancestral de uma das famílias que retornaram do exílio babilônico.
531 - FELDAS
Filho de Nacor e de Melca, neto de Taré, bisneto de Nacor, trineto de Serug e tetraneto de Reu. Feldas era sobrinho de Abrão.
532 - FELEÍAS
Filho de Elioenai, neto de Naarias, bisneto de Sequenias, trineto de Hananias, tetraneto de Zorobabel e descendente do rei Josias.
533 - FELTI
Membro da família de Maadias era o “Sacerdote Chefe” de sua família no tempo de Joaquim, o filho de Jesus, neto de Sadoc e descendente de Levi.
534 - FERES
Filho de Maaca e de Galaad, neto de Maquir, bisneto de Manassés, trineto de José e tetraneto de Jacó. Em "Crônicas" é citado como membro da tribo de Benjamim, talvez, por laços de parentesco materno ou, então, por corrupção no texto.
535 - FINÉIAS
(1) Filho de Eleazar, neto de Aarão, sobrinho neto de Moisés, bisneto de Amram (Aram), trineto de Caat e tetraneto de Levi. Finéias prosseguiu o ministério sacerdotal do pai e tornou-se o patriarca da classe dos sacerdotes.
536 - FINÉIAS
(2) Filho do sacerdote Eli, era corrupto e ímpio e, por isso, foi castigado por Javé tendo sido morto na batalha contra os filisteus, quando a "Arca da Aliança” foi tomada pelos inimigos.
537 - FITON
Filho de Mica, neto de Jônatas, bisneto do rei Saul, trineto de Kis (Cis) e tetraneto de Jeiel. É citado em "Crônicas" como filho de Mica, neto de Meribaal, bisneto de Jônatas e trineto do rei Saul.
538 - FUA
(1) Filho de Issacar, neto de Jacó, bisneto de Isaac, trineto de Abrão e tetraneto de Taré.
539 - GAAL
É um nome de origem cananéia o que indica que seu proprietário era um dos inimigos de Abimelec (filho de Gedeão), líder israelita.
540 - GAAM
Filho de Roma e de Nacor, neto de Taré, bisneto de Nacor, trineto de Serug e tetraneto de Reu. Gaam era sobrinho de Abrão.
541 - GABAÁ
Filho de Macbena, neto de Sua, bisneto de Madmena, trineto de Saaf, tetraneto de Jadai, membro do clã de Caleb – o filho de Hesron – e descendente de Judá. Provavelmente foi o fundador da localidade homônima.
542 - GABAEL
Filho de Gabri, descendente de Neftali (pela linhagem de Asiel [Jasiel]) e primo de Tobi. Gabael habitava em Ragas, na Média, e era o depositário de uma grande quantia pertencente a Tobi.
543 - GABER
Filho de Uri, era “prefeito” dos territórios de Gada (na terra de Seon – rei dos amorreus) e de Og (rei de Basã), durante o reinado de Salomão.
544 - GABRIEL
O anjo Gabriel é o anjo da “encarnação” e foi quem anunciou para Zacarias o nascimento de seu filho João Batista, o Precursor e para a Virgem Maria o nascimento de Jesus, o Messias.
545 - GAD
– PATRIARCA Filho de Jacó e de Zelfa (serva de Lia), neto de Isaac, bisneto de Abrão, trineto de Taré e tetraneto de Nacor. Gad foi o ancestral da tribo homônima.
546 - GADALIAS
Filho de Fashur, era um feroz inimigo do Profeta Jeremias a quem acusava de trair e desmotivar os judeus ante a ameaça dos caldeus.
547 - GADI
Filho de Suzi, descendente de Manassés e um dos que foram explorar o país de Canaã, conforme as ordens de Moisés
548 - GALAAD
(1) Citado em "Crônicas", era filho de Micael, neto de Jasisi, bisneto de Jado, trineto de Buz e descendente de Gad, filho de Jacó.
549 - GALAAD
(2) Filho de Maquir, neto de Manassés, bisneto de José, trineto de Jacó e tetraneto de Isaac. Em "Crônicas" é citado como membro da tribo de Benjamim, talvez por relações de parentesco materno, ou por corrupção no texto.
550 - GALAL
Filho de Iditun e descendente de Levi, era membro da classe dos levitas que serviam no Templo.
551 - GAMALIEL(1)
É um nome hebraico que significa: “Meu prêmio é Deus”. Para alguns, era filho de Simão ou Simeão que no Templo recebeu Jesus, o Messias nos braços. Seu avô era Hilel, o chefe de uma escola célebre por sua moderação, contrária de sua similar contemporânea chefiada pelo Rabino Shammai. Segundo São Lucas, Gamaliel era um homem bom e ponderado, tendo influenciado para a absolvição dos Apóstolos que haviam sido aprisionados pelos Sacerdotes do Templo. Essa versão, contudo, é questionada por vários outros estudiosos.
552 - GAMALIEL(2)
Filho de Fadassur e descendente de Manassés e de José. Era o chefe da tribo de seu antepassado quando da caminhada rumo à “Terra Prometida”.
553 - GAMARIAS
(1) Filho de Safan era o secretário do átrio superior à entrada da “porta nova” do Templo de Jerusalém, na época do retorno do exílio babilônico. Junto com outros, Gamarias tentou, em vão, evitar que o primeiro livro que continha as profecias ditadas pelo Profeta Jeremias fosse queimado por ordem do rei Eliacim.
554 - GAMARIAS
(2) Filho de Helkias, era um dos portadores da carta enviada pela Profeta Jeremias aos hebreus deportados na Babilônia. Nessa carta, Jeremias repreendia-os, consolava-os e alertava-os contra os falsos profetas que proliferavam naquela época.
555 - GATAM
Filho de Elifaz e de Tamna, neto de Esaú e de Ada, bisneto de Isaac, trineto de Abrão e tetraneto de Taré.
556 - GAZEZ
(1) Filho de Efa e de Caleb, neto de Hesron, bisneto de Farés, trineto de Judá e tetraneto de Jacó.
557 - GAZEZ
(2) Filho de Haran (Harã), neto de Caleb, bisneto de Hesron, trineto de Farés e tetraneto de Judá .
558 - GEDEÃO
(2) Filho de Joás e descendente de Manassés foi o líder dos israelitas na luta contra o jugo dos Madiãnitas. Gedeão foi um dos “Juizes Maiores”. Ver Juízes.
559 - GEDIEL
Filho de Sodi , descendente de Zabulon e um dos que foram explorar o país de Canaã conforme as ordens de Moisés
560 - GEDOR
(1) É citado em "Crônicas" como filho de Jeiel e de Maaca e descendente de Benjamim.
561 - GENUBAT
Filho do edomita Adad e sobrinho de Táfnis, a primeira dama do Egito.
562 - GERA
(1) Filho de Aod, neto de Gera, bisneto de Bela, trineto de Benjamim e tetraneto de Jacó.
563 - GERA
(2) Filho de Bela, neto de Benjamim, bisneto de Jacó, trineto de Isaac e tetraneto de Abrão.
564 - GERSON
(1) Filho de Levi, neto de Jacó e Lia, bisneto de Isaac, trineto de Abrão e tetraneto de Taré.
565 - GERSON
(2) Filho de Moisés e de Séfora, neto de Aram, bisneto de Caat, trineto de Levi e tetraneto de Jacó e Lia.
566 - GESÃ
(GESAN) Filho de Jadai e membro do clã de Caleb, o filho de Hesron, neto de Farés e bisneto de Judá.
567 - GEZEZ
Filho de Caleb e de Efa, neto de Hesron, bisneto de Farés, trineto de Judá e tetraneto de Jacó.
568 - GODOLIAS
(1) Filho de Idutun e descendente de Levi era um dos “Cantores” do Templo em Jerusalém.
569 - GODOLIAS
(2) Filho de Aicão (Aican) e neto de Safan (Safã), era o governador da Judéia, empossado pelo rei babilônico, e foi hospedeiro do Profeta Jeremias. O seu selo foi encontrado nas ruínas de Laquis em escavações feitas nos tempos modernos.
570 - GODOLIAS
(3) Filho de Amarias, neto de Ezequias e avô do Profeta Sofonias.
571 - GODOLIAS
(4) Sacerdote que descendia de Jesus – filho de Josédec – foi um dos chefes das famílias hebréias que retornaram do exílio babilônico.
572 - GOG
(1) Filho de Joel, neto de Carmi, bisneto de Rúben, trineto de Jacó e tetraneto de Isaac.
573 - GOMER
(2) Povo iraniano que descendia de Jafé (o filho de Noé) e que se estabeleceu na Capadócia. Eram chamados pelos gregos de “Cumerianos” ou de “Cimérios”.
574 - GUEL
Filho de Maqui, descendente de Gad e um dos que foram explorar o país de Canaã seguindo as ordens de Moisés.
575 - GUIDALTI
Filho de Heman e descendente de Levi era um dos “Cantores” do Templo em Jerusalém.
576 - GUNI
(2) Em "Crônicas" é mencionado na condição de filho de Neftali (não confundir com o filho de Jacó) e membro da tribo de Benjamim.
577 - HADAD
Filho de Ismael, neto de Abrão e de Agar, bisneto de Taré, trineto de Nacor e tetraneto de Serug.
578 - HAGIA
Filho de Samaá, neto de Oza, bisneto de Semei, trineto de Lebni, tetraneto de Mooli e descendente de Merari e de Levi.
579 - HALAA
Uma das esposas de Hur, o filho de Caleb e de Efrata, neto de Hesron e descendente de Judá.
580 - HAMAT
(1) Em "Crônicas" é citado na condição de chefe da família de Recab, os recabitas. Era descendente de Caleb, o filho de Hesron, e de Judá.
581 - HAMDÃ
Filho de Dison e neto de Seir.
582 - HAMUEL
Filho de Masma, neto de Mabsam, bisneto de Salum, trineto de Saul e tetraneto de Simeão (o filho de Jacó).
583 - HAMUL
Filho de Farés, neto de Judá, bisneto de Jacó, trineto de Isaac e tetraneto de Abrão.
584 - HANAMEL
Filho de Salum, primo do Profeta Jeremias e descendente de Benjamim.
585 - HANAN
(1) Filho de Asel, neto de Elasa, bisneto de Rafaias (Rafa), trineto de Banaa, tetraneto de Mosa e descendente do rei Saul.
586 - HANAN
(3) Filho de Maaca, era um dos chamados "Heróis de Davi", grupo de proeminentes guerreiros fiéis ao rei Davi.
587 - HANAN
(4) Filho de Sasac, neto de Elfaal, bisneto de Saaraim e de Husim e chefe de um dos clãs da tribo de Benjamim.
588 - HANAN
(5) Filho de Zacur e neto de Matanias era um dos supervisores dos depósitos das ofertas aos sacerdotes e aos levitas. Foi nomeado por Neemias quando de seu segundo retorno à Jerusalém reconstruída após o exílio babilônico.
589 - HANANI
(HANANIAS)(3) Filho de Heman, descendente de Levi e membro da classe do Sacerdotes era um dos “Cantores” do Templo em Jerusalém, após o retorno do exílio babilônico.
590 - HANANIA
Filho de Sasac, neto de Elfaal, bisneto de Saaraim e de Husim e chefe de um dos clãs da tribo de Benjamim.
591 - HANANIAS
(1) Um dos Generais durante o reinado de Ozias, filho de Amasias, no "Reino de Judá".
592 - HANANIAS
(2) Filho de Zorobabel, neto de Fadaías, bisneto de Jeconias, trineto de Joaquim e tetraneto do rei Josias.
593 - HANANIAS
(5) Filho de Selemias, foi um dos que ajudaram na reconstrução de Jerusalém, após o exílio babilônico, sob a supervisão de Neemias. Posteriormente, Hananias compartilhou o governo de Jerusalém com Hanani, o parente de Neemias.
594 - HANANIAS
(6) Membro da família de Jeremias era o “Sacerdote Chefe” de sua família no tempo de Joaquim, o filho de Jesus, neto de Sadoc e descendente de Levi.
595 - HANIEL
(1) Descendente de Manassés e de José era filho de Efod e um dos chefes de sua tribo.
596 - HANIEL
(2) Filho de Ola e descendente da linhagem de Aser, o filho de Jacó.
597 - HANUM
Filho de Naas, o rei dos amonitas que abrigou o rei Davi. Ao contrário de seu pai, Hanum foi hostil a Davi e destratou os embaixadores hebreus que foram levar-lhe os pêsames pela morte de seu pai.
598 - HANUN
Filho de Salaf e habitante de Zanoá, foi um dos que ajudaram na reconstrução de Jerusalém após o exílio babilônico.
599 - HARÃ
(HARAN) (2) Filho de Caleb e de Efa, neto de Hesron, bisneto de Farés, trineto de Judá e tetraneto de Jacó.
600 - HARITAS
Descendentes de Salma (Salmon), o filho de Hur, neto de Caleb e descendente de Judá.
601 - HARNAFER
Filho de Sofa, neto de Hotam, bisneto de Heber, trineto de Beria e tetraneto de Aser.
602 - HARON
Filho de Naás, rei dos amonitas.
603 - HASABÁ
Filho de Mosolan, neto de Zorobabel, bisneto de Fadaías, trineto de Jeconias, tetraneto de Joaquim e descendente do rei Josias.
604 - HASABIAS
(1) Filho de Amasias, neto de Helkias, bisneto de Amasaí, trineto de Bani, tetraneto de Samer e descendente de Merari e de Levi.
605 - HASABIAS
(2) Filho de Idutun e descendente de Levi era um dos “Cantores” do Templo em Jerusalém.
606 - HASABIAS
(4) Filho de Buni e descendente de Levi era o chefe de uma das famílias de levitas que serviam no Templo como “Porteiros”, na época de Neemias governador e de Esdras Sacerdote.
607 - HASABIAS
(5) Filho de Matanias, neto de Mica e descendente de Levi. Hasabias era o avô de Uzi, o “prefeito” dos levitas na Jerusalém reconstruída após o exílio babilônico.
608 - HASADIAS
Filho de Mosolan, neto de Zorobabel, bisneto de Fadaías, trineto de Jeconias, tetraneto de Joaquim e descendente do rei Josias.
609 - HASRI
Filho de Sobal, neto de Hur, bisneto de Caleb, trineto de Hesron, tetraneto de Farés e descendente de Judá.
610 - HASSUB
(1) Filho de Ezricam, neto de Hasebia e descendente de Merari e de Levi.
611 - HASSUB
(HASUB) (2) Filho de Faat-Moab, foi um dos que ajudaram na reconstrução de Jerusalém, após o exílio babilônico, sob a supervisão de Neemias.
612 - HATAT
Filho de Otoniel, neto de Kenaz
613 - HATUS
(1) Filho de Hasabnias, foi um dos que ajudaram na reconstrução de Jerusalém, após o exílio babilônico, sob a supervisão de Neemias.
614 - HATUS
(2) Filho de Sequenias (Secanias), neto de Hananias, bisneto de Zorobabel, trineto de Fadaías, tetraneto de Jeconias e descendente do rei Davi. Era o líder de uma das famílias que seguiram Esdras no retorno do exílio babilônico.
615 - HAZAÍAS
Filho de Adaías, neto de Joiarib, bisneto de Zacarias, trineto de Aías (o Silonita) e descendente de Farés e de Judá. Era um dos líderes dos hebreus que se estabeleceram na Jerusalém reconstruída durante o governo de Neemias, após o exílio babilônico.
616 - HEBER
(1) Filho de Abiail, neto de Huri, bisneto de Jaroá, trineto de Galaad, tetraneto de Micael e descendente de José.
617 - HEBER
(2) Filho de Beria, neto de Aser, bisneto de Jacó, trineto de Isaac e tetraneto de Abrão.
618 - HEBER
(3) Filho de Sasac, neto de Elfaal, bisneto de Saaraim e de Husim e chefe de um dos clãs da tribo de Benjamim. É citado em "Crônicas" como filho de Elfaal, neto de Saaraim e de Husim.
619 - HÉBER
(5) Filho de Salé, neto de Arfaxad, bisneto de Sem, trineto de Noé e tetraneto de Lamec.
620 - HEBRI
É citado em "Crônicas" como filho de Ozia, neto de Merari, trineto de Levi e tetraneto de Jacó.
621 - HEBRON
(2) Filho de Caat, neto de Levi, bisneto de Jacó, trineto de Isaac e tetraneto de Abrão.
622 - HEBRONITAS
Os membros da famílias que se originaram de Hebron, filho de Caat e neto de Levi.
623 - HEDER
Filho de Beria, neto de Elfaal, bisneto de Saararaim e de Husim e chefe de um dos clãs da tribo de Benjamim.
624 - HEFER
(2) Filho de Galaad, neto de Maquir, bisneto de Manassés, trineto de José e tetraneto de Jacó
625 - HEFER
(3) Filho de Hur e de Naara, neto de Caleb e de Efrata, bisneto de Hesron, trineto de Farés e tetraneto de Judá.
626 - HELCAI
Membro da família de Meremot era o “Sacerdote Chefe” de seu clã no tempo de Joaquim, o levita filho de Jesus e neto de Sadoc.
627 - HELEC
(2) Filho de Galaad, neto de Maquir, bisneto de Manassés, trineto de José e tetraneto de Jacó
628 - HELED
Filho de Baana e natural de Netofa era um dos chamados "Heróis de Davi", grupo de proeminentes guerreiros fiéis ao rei Davi.
629 - HÉLER
Filho de Etei, neto de Jaraá, bisneto de Sesã, trineto de Efraim, tetraneto de Nadab e descendente de Jerameel, da linhagem de Judá.
630 - HELES
(2) Filho de Azarias, neto de Jeú, bisneto de Obed, trineto de Eflal (Oflal), tetraneto de Zabad e descendente de Jerameel e de Judá. Natural de Bet-Falet, Heles, era um dos componentes do grupo "Dos Trinta", a guarda pessoal do rei Davi.
631 - HELKIAS
(1) Filho de Amasaí, neto de Bani, bisneto de Samer, trineto de Mali, tetraneto de Musi e descendente de Merari e de Levi.
632 - HELKIAS
(2) Filho de Salum, neto de Sadoc, bisneto de Aquitob, trineto de Amarias, tetraneto de Azarias e descendente de Levi.
633 - HELKIAS
(3) Filho de Hosa e descendente de Merari e de Levi. Era um dos “Porteiros” do Templo em Jerusalém.
634 - HELKIAS
(4) Filho de Mesulam, neto de Sadoc, bisneto de Meraiot, trineto de Aitub (ou Aquitob) e membro da classe dos Sacerdotes que voltaram do exílio babilônico sob a liderança de Zorobabel.
635 - HELKIAS
(6) Descendente de Simeão - filho de Jacó – era da linhagem da qual descendeu a heroína Judite. Ver Judite.
636 - HEMAM
Filho de Joel, neto de Samuel, bisneto de Elcana, trineto de Jeroam, tetraneto de Eliel (Eliab) e descendente de Levi. Hemam era o (principal?) “Cantor” do Templo.
637 - HEMAN
Filho de Zara, neto de Judá e de Tamar, bisneto de Jacó, trineto de Isaac e tetraneto de Abrão.
638 - HENOC
– PATRIARCA Filho de Jared, neto de Maalalel, bisneto de Cainan, trineto de Enós, tetraneto de Set e descendente de Adão e Eva. Henoc foi o pai de Matusalém, o bisavô de Noé e foi um dos Patriarcas ante-diluvianos. Segundo a tradição, teria sido arrebatado ao céu em vida, semelhante ao ocorrido com o Profeta Elias. É uma das figuras mais importantes na apocalíptica judaica. As suas palavras que são citadas na Epístola de São Judas não constam no Antigo Testamento, mas num apócrifo “O Livro de Henoc” do século I aC.
639 - HENOC
(2) O primeiro filho de Caim, neto de Adão e Eva.
640 - HENOC
(3) Filho de Madiã, neto de Abraão e de Cetura, bisneto de Taré, trineto de Nacor e tetraneto de Serug.
641 - HENOC
(4) Filho de Ruben, neto de Jacó e Lia, bisneto de Isaac, trineto de Abrão e tetraneto de Taré.
642 - HER
(1) Filho de Judá, neto de Jacó, bisneto de Isaac, trineto de Abrão e tetraneto de Taré. De sua linhagem nasceu o rei Davi e, posteriormente, Jesus (o Messias).
643 - HER
(2) Filho de Sela, neto de Judá, bisneto de Jacó, trineto de Isaac e tetraneto de Abrão.
644 - HERÃ
Filho de Sutala, neto de Efraim, bisneto de José, trineto de Jacó e tetraneto de Isaac
645 - HERI
Filho de Gad, neto de Jacó, bisneto de Isaac, trineto de Abrão e tetraneto de Taré.
646 - HERÓDES
– ARQUELAU Filho e sucessor de Herodes, o Grande, no governo da Judéia, da Iduméia e da Samaria. Foi um cruel tirano o que lhe causou a deposição do cargo e o exílio na antiga Gália, ordenado pelo Imperado Romano, Augusto.
647 - HERÓDES
– FELIPE I Filho de Herodes, o Grande foi o primeiro marido de Herodiades. Não deve ser confundido com o seu irmão homônimo que era o tetrarca da Ituréia.
648 - HERODES
– O GRANDE Nascido em 73 aC., em Jericó, era filho de Antípatro que graças ao apoio a Pompeu (imperador romano) ganhou a cidadania romana e o governo da Judéia. Em 57 aC. Herodes travou amizade com Marco Antonio (triúnviro romano) o que lhe valeu a nomeação para o Governo da Galiléia e em 47 aC. foi nomeado “Rei dos Judeus” pelo Senado romano. Mesmo com a derrota de Marco Antonio para Otávio, Herodes conservou o seu cargo e continuou a exercer a sua cruel tirania chegando a matar até seus parentes próximos e a ordenar o infanticídio que ocorreu quando do nascimento de Jesus, o Messias. Herodes morreu em 4 dC. e o seu governo foi repartido entre seus filhos.
649 - HERÓDES
AGRIPA I Filho de Aristóbulo e neto de Herodes, o Grande, foi quem matou o Apóstolo Tiago e aprisionou o Apóstolo Pedro, nas primeiras perseguições aos cristãos.
650 - HERÓDES
ANTIPAS Filho de Herodes, o Grande, Antipas sucedeu o pai no governo da Galiléia e da Palestina. Porém, Augusto (imperador romano) não lhe conferiu o titulo de rei, mas apenas o de tetrarca. Antipas desposou a filha de Aretas, rei dos nabateus, e, posteriormente, abandonou-a para casar-se com Herodiades. Foi um tirano cruel e dentre outras malvadezas ordenou a decapitação de João Batista, o Precursor (atendendo ao pedido de Herodiades) e nada fez para salvar Jesus, o Messias do injusto julgamento que o condenou à morte. Antipas reinou até o ano 39 dC. quando, tendo se dirigido a Roma com o fito de adquirir o titulo de rei, foi exilado pelo imperador Calígula para a Gália.
651 - HERODÍADE
Neta de Herodes, o Grande, Herodiades casou-se com o próprio tio chamado Felipe (também filho de Herodes, o Grande e que não deve ser confundido com seu irmão de mesmo nome que era o tetrarca da Ituréia), mas sendo uma mulher passional e ambiciosa abandonou o primeiro marido (com quem gerou um filha, Salomé) para casar-se com o irmão dele, Herodes Antipas. Esse segundo casamento foi publicamente reprovado por João Batista, o Precursor e essa reprimenda é que lhe ocasionou a morte, pois, como vingança, Herodíade usou o fascínio que Salomé, sua filha, despertava em Antipas e fê-lo prometer que mandaria decapitar o Precursor, o que de fato ocorreu.
652 - HESRON
(1) Filho de Farés, neto de Judá, bisneto de Jacó, trineto de Isaac e tetraneto de Abrão.
653 - HESRON
(2) Filho de Rúben, neto de Jacó, bisneto de Isaac, trineto de Abrão e tetraneto de Taré.
654 - HET
Filho de Canaã, neto de Cam, bisneto de Noé, trineto de Lamec e tetraneto de Matusalém. Het foi o ancestral dos heteus. Ver heteus.
655 - HÉVILA
(2) Filho de Jectã, neto de Héber, bisneto de Salé, trineto de Arfaxad e tetraneto de Sem (filho de Noé).
656 - HEZKI
Filho de Elfaal, neto de Elfaal (homônimo), bisneto de Saaraim e de Husim e chefe de um dos clãs da tribo de Benjamim.
657 - HICSOS
A etnia que dominava o Egito em c. 1700-1600 a.C, na época em que José, filho de Jacó, era o seu governador.
658 - HIEL
O reconstrutor de Jericó, ocasião em que perdeu seus dois filhos. Alguns acreditam que ele consagrou a “pedra fundamental” com o sacrifício do primogênito e o levantamento da portas com a imolação do segundo filho.
659 - HIR
(2) Filho de Caleb, neto de Jefoné e descendente de Judá.
660 - HIRA
(1) Amigo e hospedeiro de Judá, filho de Jacó, quando este se separou dos irmãos.
661 - HIRA
(2) Filho de Akes, o “Tecuíta”, era um dos chefes militares durante o reinado de Davi.
662 - HOFNI
Filho do sacerdote Eli (o tutor de Samuel). Hofni era corrupto e foi castigado por Javé, tendo sido morto na batalha contra os filisteus, quando a "Arca da Aliança” foi tomada pelos inimigos.
663 - HORI
Filho de Lotã e neto de Seir, o horreu.
664 - HOSA
(2) Descendente de Merari e de Levi e parente (irmão?) de Obed-Edom e filho(?) de Idutun. Hosa foi o ancestral de uma das famílias designadas para “Porteiros” do Templo em Jerusalém.
665 - HOSAMA
Filho de Jeconias, neto de Joaquim, bisneto de Josias e descendente do rei Salomão.
666 - HOSIEL
Filho de Semei e descendentes de Gerson e de Levi. Cabe notar que em hebraico não existem os termos "netos," bisnetos" etc., portanto, os vocábulos "filho"(s)", "irmão(s)", entre outros, podem significar "descendentes", "conterrâneos" etc.
667 - HOTAM
Filho de Heber, neto de Beria, bisneto de Aser, trineto de Jacó e tetraneto de Isaac.
668 - HUBA
Filho de Somer, neto de Heber, bisneto de Beria, trineto de Aser e tetraneto de Jacó.
669 - HUFAM
Filho de Bela, neto de Benjamim, bisneto de Jacó, trineto de Isaac e tetraneto de Abrão.
670 - HUL
Filho de Aram, neto de Sem, bisneto de Noé, trineto de Lamec e tetraneto de Matusalém.
671 - HUPIM
Filho de Hir e membro da tribo de Benjamim. Provavelmente era relacionado com a tribo de Manassés por laços de parentesco materno.
672 - HUR
(ASSUR) (3) Filho de Caleb e de Efrata, neto de Hesron, bisneto de Farés, trineto de Judá e tetraneto de Jacó. Hur é sinônimo de Assur.
673 - HURAM
ABI O nome desse artesão é quase sempre grafado como Hiram, Hiron ou Huram ao qual se acrescenta o sufixo Abi ou Abiu que significa: “meu pai”. Huram era filho de uma mulher hebréia – da tribo de Dã - e de um homem fenício e foi o hábil artesão que construiu os objetos do Templo em Jerusalém.
674 - HURI
(1) Filho de Jaroá, neto de Galaad, bisneto de Micael, trineto de Jasisi, tetraneto de Jado e descendente de Gad, filho de Jacó.
675 - HUS
(US) (1) Filho de Aram, neto de Sem, bisneto de Noé, trineto de Lamec e tetraneto de Matusalém.
676 - HUS
(US) (2) Filho de Nacor e de Melca, neto de Taré, bisneto de Nacor, trineto de Serug e tetraneto de Reu. Hus era sobrinho de Abrão.
677 - HUSA
(2) Filho de Ezer e descendente de Judá.
678 - HUSIM
(2) Em "Crônicas" é citado na qualidade de filho de Aer e membro da tribo de Benjamim.
679 - ICABOD
Filho de Hofni e neto do sacerdote Eli (o tutor de Samuel). Icabod, em hebraico, significa: “nada de glória”, pois o seu nascimento coincidiu com as mortes de seu pai, na batalha em que os filisteus tomaram a “Arca da Aliança”, e de seu avô, ao saber da noticia.
680 - ICAMIAS
(JECAMIAS) Filho de Selum, neto de Sismai, bisneto de Elasa, trineto de Heles, tetraneto de Azarias e descendente de Jerameel e de Judá.
681 - ICUTIEL
Filho de Jeter (da linhagem de Judá) e de mãe judia cujo nome não é mencionado.
682 - IDAIA
Filho de Semri e neto de Samaia, era membro proeminente da tribo de Simeão.
683 - IDUMEUS
Os descendentes de Esaú, filho de Isaac, neto de Abrão e irmão de Jacó. Habitavam na montanhosa e árida “Arábia Pétrea” e na parte oriental do Negeb. Ver Edomitas.
684 - IGAAL
Natural de Soba e filho de Natã era um dos componentes do grupo "Dos Trinta", a guarda pessoal do rei Davi.
685 - IGAL
Filho de José , descendente de Issacar e um dos que foram explorar o país de Canaã a mando de Moisés.
686 - IMALCUE
O historiador Diódoro Sículo chama este árabe de Jâmblico, que é a versão grega desse nome. Imalcue era o preceptor de Antíoco, o filho de Alexandre Balas. Talvez fosse o sucessor de Zabdiel (Ver Zabdiel).
687 - IMRI
Filho de Bani e descendente de Farés e de Judá.
688 - IRA
(3) Filho de Akes e natural de Técua era um dos chamados "Heróis de Davi", grupo de proeminentes guerreiros fiéis ao rei Davi.
689 - IRAD
Filho de Henoc, neto de Caim e bisneto de Adão e Eva.
690 - IRI
Filho de Bela, neto de Benjamim, bisneto de Jacó, trineto de Isaac e tetraneto de Abrão.
691 - ISAAC
– PATRIARCA Filho de Abraão e de Sara, neto de Taré, bisneto de Nacor, trineto de Serug e tetraneto de Reu. Em sua primeira infância, Isaac foi o alvo das zombarias de Ismael (seu meio-irmão) o que ocasionou a expulsão deste, sendo que essa ruptura passou a representar a separação do “povo eleito” do restante ímpio da humanidade. Também é célebre a passagem em que quase foi sacrificado por seu pai num dos montes de Moriá. Isaac casou-se com Rebeca (neta de Nacor e sua prima) e com ela gerou Esaú e Jacó, o qual herdou a Aliança que Javé fizera com Abrão e que renovara consigo. Isaac é um nome hebraico que vem da raiz do verbo “brincar”.
692 - ISAAR
Filho de Caat, neto de Levi, bisneto de Jacó, trineto de Isaac e tetraneto de Abrão.
693 - ISAARITAS
Os membros das famílias que descenderam de Isaar, filho de Caat e neto de Levi.
694 - ISAÍAS
– PROFETA Filho de Amós (que não deve ser confundido com aquele que foi um dos “Profetas Menores”), provavelmente nascido em Jerusalém no seio de uma família abastada. Isaías era casado e teve pelo menos dois filhos. Em 738 a.C. foi chamado ao profetismo mediante uma visão que se tornou célebre (a vinda do Salvador e a adesão doutras nações ao culto a Javé) e que teve fundamental importância na Teologia. Foi contemporâneo dos reis Acaz e Ezequias – do Reino de Judá – e serviu-lhes como motivador numa época de gravíssima crise em Israel que foi motivada pelos graves desvios na observância da Lei e dos costumes. A sua pregação, aliás, era totalmente focada nesta dissolução e advertia contra os desvios e previa o justo castigo de Javé. O profeta exerceu o ministério profético por quase meio século e participou ativamente da sorte e do destino de sua pátria. Isaías é um nome hebreu que significa “Javé Salva” e segundo a tradição, Isaías foi morto a mando do rei Manassés (o ímpio filho e sucessor de Ezequias) que mandou serrar o seu corpo ao meio.
695 - ISAÍAS
(1) Filho de Idutun e descendente de Levi era um dos “Cantores” do Templo em Jerusalém.
696 - ISAÍAS
(4) Filho de Atalias e descendente de Elam era o chefe de uma das famílias que seguiram Esdras no retorno do exílio na Babilônia.
697 - ISBAAL
(1) Filho de Zabdiel, descendente de Farés e de Judá era alcunhado de “o haquemonita”. Foi um dos chefes militares durante o reinado de Davi e o líder do “Grupo dos Três” a elite máxima das forças militares.
698 - ISBAAL
(2) Filho do rei Saul, neto de Cis (Kis), bisneto de Abiel, trineto de Seror, tetraneto de Becorat e descendente de Benjamim. Quando Saul morreu, Isbaal foi coroado por Abner como rei de Galaad, do território de Aser, de Jezrael, do território de Efraim e do território de Benjamim. Tinha, então, quarenta anos e reinou por mais dois. No seu nome que significa “Homem de Deus” o segundo elemento (Baal) passou a representar uma divindade pagã e por isso foi trocado para ISBOSET.
699 - ISMAEL
(1) Filho de Abrão com a escrava Agar, neto de Taré, bisneto de Nacor, trineto de Serug e tetraneto de Reú. Segundo a tradição é o ancestral de todos os árabes. Ismael é um nome hebraico que significa: “Deus Ouve”.
700 - ISMAEL
(2) Filho de Asel, neto de Elasa, bisneto de Rafaias (Rafa), trineto de Banaa, tetraneto de Mosa e descendente do rei Saul.
701 - ISMAEL
(3) Filho de Joana foi um dos chefes militares convocados pelo Sacerdote Jojada para destituir a usurpadora Rainha Atalia do trono e coroar Joás, filho de Acazias.
702 - ISMAEL
(5) Filho de Natanias, neto de Elisama e membro da Casa Real do País de Amon. Foi ele o assassino de Godolias, o governador da Judéia que fora empossado por Nabucodonosor após a tomada de Jerusalém.
703 - ISMAELITAS
Os descendentes de Ismael, filho de Abrão. Os árabes.
704 - ISOD
Filho de Amolequet, neto de Maquir, bisneto de Manassés, trineto de José e tetraneto de Jacó. Em “Crônicas” é citado no capitulo referente à tribo de Benjamim talvez por laços de parentesco materno, ou, então, por corrupção no texto.
705 - ISRI
Filho de Idutun e descendente de Levi, era um dos “Cantores” do templo em Jerusalém.
706 - ISSACAR
– PATRIARCA Seu nome em hebraico significa “a recompensa”. Filho de Jacó e de Lia, neto de Isaac, bisneto de Abrão, trineto de Taré e tetraneto de Nacor. Issacar foi o patriarca de uma das doze tribos de Israel.
707 - ISSACAR
(1) Filho de Obed-Edom e descendente de Coré e de Levi era um dos “Porteiros” do Templo em Jerusalém.
708 - ITAMAR
Filho de Aarão, sobrinho de Moisés, neto de Amram (Aram), bisneto de Caat, trineto de Levi e tetraneto de Jacó. Como o seu pai, Itamar foi escolhido para ser um dos Sacerdotes.
709 - IZRAIA
Filho de Ozi, neto de Tola, bisneto de Issacar, trineto de Jacó e tetraneto de Isaac.
710 - JAADA
Filho de Aaz, neto de Mica, bisneto de Jônatas, trineto do Rei Saul, tetraneto de Jeiel e descendente de Benjamim.
711 - JAADAI
É citado em "Crônicas" como membro do clã de Caleb, filho de Hesron (descendente de Judá), porém, não há uma identificação precisa sobre os laços entre ambos.
712 - JAARSIA
Filho de Jerimot (Jeroam), neto de Elfaal, bisneto de Saaraim e de Husim e chefe de um dos clãs da tribo de Benjamim.
713 - JAASIEL
(1) Em "Crônicas" é mencionado na condição de filho de Neftali (distinto do filho de Jacó) e membro da tribo de Benjamim.
714 - JAAT
(1) Filho de Reaia (Reaías), neto de Sobal, bisneto de Hur, trineto de Caleb, tetraneto de Hesron e descendente de Judá.
715 - JAAT
(2) Filho de Lebni, neto de Gerson, bisneto de Levi, trineto de Jacó e tetraneto de Isaac.
716 - JAAT
(4) Filho de Salomit, neto de Isaar, bisneto de Caat, trineto de Levi e tetraneto de Jacó.
717 - JAAT
(5) É citado em "Crônicas" como filho de Semei e descendente de Gerson e de Levi. Jaat foi um dos chefes dos serviços no Templo em Jerusalém.
718 - JAAZANIAS
Filho de Azur, seria um dos líderes da corrompida Jerusalém que o Profeta Ezequiel vislumbrou.
719 - JAAZIEL
Filho de Zacarias, neto de Banaías, bisneto de Jeiel, trineto de Matanias e descendente de Asaf e de Levi. Foi Jaaziel quem profetizou a vitória de Josafá, rei do "Reino de Judá", contra os maonitas e seus aliados.
720 - JABEL
Filho de Ada e de Lamec, neto de Lamec (homônimo), bisneto de Matusael, trineto de Maviael, tetraneto de Irad e descendente de Caim. Foi o antepassado dos pastores nômades.
721 - JACAN
É citado em "Crônicas" como filho de Abiail, neto de Huri, bisneto de Jaroá, trineto de Galaad, tetraneto de Micael e descendente de Gad.
722 - JACÓ
– PATRIARCA Filho de Isaac e de Rebeca, neto de Abraão, bisneto de Taré, trineto de Nacor, tetraneto de Serug e irmão gêmeo de Esaú. Ao contrário do irmão, Jacó era mais pacato e era o filho preferido pela mãe. Alguns estudiosos vêm nessa predileção um desígnio divino, pois a ele cabia a missão de gerar o “povo eleito”. Num certo dia, Jacó ludibriou o pai (já avançado em idade) e com isso conquistou a sua benção e, colateralmente, o ódio de Esaú que jurou matá-lo. Rebeca, para salvá-lo, enviou-o para a casa de Labão (seu irmão) onde serviu por vários anos e onde se casou com as duas filhas (Lia e Raquel) do tio. Com elas (e com as servas das mesmas) Jacó gerou doze filhos que se tornaram os patriarcas das doze tribos de Israel e os ancestrais das principais figuras da Bíblia. Jacó é um nome hebraico que provém da mesma raiz que “calcanhar”, numa alusão ao fato de Jacó estar segurando o calcanhar de Esaú quando do nascimento de ambos. Após ter saído da casa de Labão e de ter lutado contra um Anjo, Jacó teve o seu nome mudado por Javé para Israel. Ver Israel.
723 - JACÓ
Pai de José e avô de Jesus, o Messias. Era filho de Matã, neto de Eleazar, bisneto de Eliud, trineto de Aquim e descendente da linhagem do rei Davi.
724 - JADA
Filho de Onam, neto de Jerameel e de Atara, bisneto de Hesron, trineto de Farés e tetraneto de Judá.
725 - JADAI
É citada como membro do clã de Caleb, o filho de Hesron, e descendente de Judá. Porém, não há uma definição clara sobre as suas relações de parentesco.
726 - JADAIAS
(1) Filho de Harumaf, foi um dos que ajudaram na reconstrução de Jerusalém, após o exílio babilônico, sob a supervisão de Neemias.
727 - JADIAEL
Filho de Benjamim, neto de Jacó, bisneto de Isaac, trineto de Abrão e tetraneto de Taré.
728 - JADIEL
Filho de Meselemia e descendente de Coré e de Levi. Era um dos “Porteiros” do Templo em Jerusalém.
729 - JADO
(1) É citado em "Crônicas" como filho de Buz e descendente de Gad.
730 - JADO
(2) Filho de Zacarias, era o chefe da meia tribo oriental de Manassés durante o reinado de Davi.
731 - JADUA
Filho de Jocanan, descendente de Levi e patriarca da família de Jesus (filho de Josedec), era um dos Sumos Sacerdotes na época que Alexandre conquistou a Pérsia, permitindo o retorno dos hebreus do exílio babilônico.
732 - JAFÉ
(1) Filho de Noé, neto de Lamec, bisneto de Matusalém, trineto de Henoc e tetraneto de Jared. Ante a nudez e a embriagues de Noé cobriu-o e, por isso, foi abençoado pelo pai. Porém, a sua descendência sempre ocupou um lugar inferior em relação à de Sem, os semitas.
733 - JAFETITAS
Os povos Indo-Europeus que descenderam de Jafé, filho de Noé. Ver Jafé.
734 - JÁFIA
(2) Filho de Davi, neto de Jessé, bisneto de Obed, trineto de Booz, tetraneto de Salmon e descendente de Judá. Jáfia foi um dos filhos que Davi teve em Jerusalém.
735 - JAFLET
Filho de Heber, neto de Beria, bisneto de Aser, trineto de Jacó e tetraneto de Isaac.
736 - JAIEL
(2) Filho de Josafá, neto de Asa, bisneto de Abias, trineto de Roboão e tetraneto de Salomão.
737 - JAIEL
(3) Filho de um hactomita, era um dos preceptores dos filhos do rei Davi.
738 - JAIR
DE GALAAD (2) O sucessor de Tola (um dos “Juizes Menores”) que liderou Israel durante vinte e dois anos. Era filho de Segub, descendente de Judá e foi o conquistador de várias aldeias no território de Galaad às quais deu o nome de “Aldeias de Jair”.
739 - JAKIN
É citado em "Crônicas" como filho de Sama (Semei), neto de Elfaal, bisneto de Saaraim e de Husim e chefe de um dos clãs da tribo de Benjamim.
740 - JALAM
Filho de Esaú e de Oolibama, neto de Isaac, bisneto de Abrão, trineto de Taré e tetraneto de Nacor.
741 - JALEL
Filho de Zabulon, neto de Jacó, bisneto de Isaac, trineto de Abrão e tetraneto de Taré.
742 - JALON
Filho de Ezra e membro da tribo de Judá. Não há maiores indicações de sua ascendência.
743 - JAMAI
Filho de Tola, neto de Issacar, bisneto de Jacó, trineto de Isaac e tetraneto de Abrão.
744 - JAMIN
(2) Filho de Ram, neto de Jerameel, bisneto de Hesron, trineto de Farés, tetraneto de Judá.
745 - JAMIN
(3) Filho de Simeão, neto de Jacó e Lia, bisneto de Isaac, trineto de Abrão e tetraneto de Taré.
746 - JAMRA
Filho de Sofa, neto de Hotam, bisneto de Heber, trineto de Beria e tetraneto de Aser.
747 - JAMUEL
Filho de Simeão, neto de Jacó e Lia, bisneto de Isaac, trineto de Abrão e tetraneto de Taré.
748 - JAQUIN
(2) Filho de Simeão, neto de Jacó e Lia, bisneto de Isaac, trineto de Abrão e tetraneto de Taré.
749 - JARÉ
Filho de Jectã, neto de Héber, bisneto de Salé, trineto de Arfaxad e tetraneto de Noé.
750 - JARED
(2) Filho de Malaleel, neto de Cainan, bisneto de Enós, trineto de Set e tetraneto de Adão e Eva.
751 - JARIB
Sacerdote que descendia de Jesus – filho de Josédec – foi um dos sábios chefes das famílias que compunham a comitiva de Esdras no retorno do exílio babilônico. Junto com outros, foi ele que recrutou em Casifia os levitas que acompanharam essa comitiva.
752 - JARIBE
Filho de Simeão, neto de Jacó, bisneto de Isaac, trineto de Abrão e tetraneto de Taré.
753 - JAROÁ
Filho de Galaad, neto de Micael, bisneto de Jasisi, trineto de Jado, tetraneto de Buz e descendente de Gad, filho de Jacó.
754 - JASÃO
(1) É a forma grega para o nome “Jesus” (ou Josué) que é tipicamente hebreu. Filho de Eleazar e membro da classe Sacerdotal, Jasão foi o sucessor ilegítimo de Onias (seu irmão), no Sumo Sacerdócio, em Jerusalém. Assumiu esse posto por imposição do rei assírio, Antíoco IV, Epífanes e, destarte, sempre foi considerado um intruso. Jasão foi um dos embaixadores mandados por Judas Macabeu a Roma para travar alianças como os romanos, mas como sempre manobrou em busca de seus interesses mesquinhos acabou sendo alijado da corte hebréia. Por fim, atentou contra o rei assírio, mas tendo fracassado refugiou-se em terras estrangeiras onde morreu.
755 - JASER
Filho de Caleb e de Azuba, neto de Hesron, bisneto de Farés, trineto de Judá e tetraneto de Jacó.
756 - JASIEL(1)
Filho de Abner, era o chefe da tribo de Benjamim durante o reinado do rei Davi.
757 - JASIEL(2)
Filho de Neftali, neto de Jacó, bisneto de Isaac, trineto de Abrão e tetraneto de Taré. Em “Tobias”, Jasiel é grafado como Asiel e figura como o ancestral da linhagem de Tobias.
758 - JASISI
É citado em "Crônicas" como filho de Jada, neto de Buz e descendente de Gad, o filho de Jacó.
759 - JASUB
(2) Filho de Issacar, neto de Jacó, bisneto de Isaac, trineto de Abrão e tetraneto de Taré.
760 - JATNIEL
Filho de Meselemia e descendente de Coré e de Levi. Era um dos “Porteiros” do Templo em Jerusalém.
761 - JAUS
Filho de Semei e descendentes de Gerson e de Levi. Cabe notar que em hebraico não existem os termos "netos," bisnetos" etc., portanto, os vocábulos "filho"(s)", "irmão(s)", entre outros, podem significar "descendentes", "conterrâneos" etc.
762 - JAVAN
Filho de Jafé, neto de Noé, bisneto de Lamec, trineto de Matusalém e tetraneto de Henoc. Javan foi o ancestral dos Jônios (uma das etnias que formaram o povo grego)
763 - JAZANIAS
Filho de Sara, seria o sacerdote degenerado que o Profeta Ezequiel enxergou na visão que teve da Jerusalém entregue aos cultos pagãos.
764 - JAZERA
Filho de Mesulam, neto de Mesilemit, bisneto de Emer e membro da linhagem dos sacerdotes.
765 - JAZIEL
Filho de Azmot e membro da tribo de Benjamim, foi um dos que seguiram Davi enquanto ele era perseguido pelo rei Saul.
766 - JEBAR
Filho de Davi, neto de Jessé, bisneto de Obed, trineto de Booz, tetraneto de Salmon e descendente de Judá. Foi um dos filhos que Davi teve em Jerusalém.
767 - JEBNEIA
É citado em "Crônicas" como filho de Jerom e descendente de Benjamim.
768 - JEBSAN
Filho de Tola, neto de Issacar, bisneto de Jacó, trineto de Isaac e tetraneto de Abrão.
769 - JECEMIAS
Filho de Jeconias, neto de Joaquim, bisneto de Josias, trineto de Amon, tetraneto de Manassés e descendente do rei Salomão.
770 - JECMAAN
Filho de Hebron, neto de Caat, bisneto de Levi, trineto de Jacó e tetraneto de Isaac.
771 - JECONIAS
(JOIAKIN) Filho e sucessor do rei Joaquim (Eliacim), neto do rei Josias, bisneto de Amon, trineto de Manassés e tetraneto de Ezequias. Tinha dezoito anos quando foi coroado e reinou por apenas três meses, em Jerusalém. Em seu reinado, Nabucodonosor conquistou Jerusalém e ele e sua família foram exilados na Babilônia. Em seu lugar, Nabucodonosor nomeou Matanias (em quem colocou o nome de Sedecias), seu tio. Tempos depois (por volta de 561 a.C.), Jeconias foi anistiado e amparado por Evil-Merodac. Sua mãe chamava-se Noesta, era filha de Elnata e natural de Jerusalém.
772 - JECSÃ
Filho de Abrão e de Cetura, sua segunda esposa, neto de Taré, bisneto de Nacor, trineto de Serug e tetraneto de Reú.
773 - JECTÃ
Filho de Héber, neto de Salé, bisneto de Arfaxad, trineto de Noé e tetraneto de Lamec.
774 - JEDAÍAS
(JEDAÍA) Filho de Joiarib, neto de Saraías (ou Azarias), bisneto de Helkias, trineto de Mesulam, tetraneto de Sadoc e membro da classe dos Sacerdotes. Jedaías era o “prefeito” do Templo reconstruído em Jerusalém após o exílio babilônico.
775 - JEDIEL
Filho de Samri, era um dos chefes de metade da tribo de Manassés, instalada na Transjordânia. Foi um dos que seguiram Davi, enquanto ele era perseguido pelo rei Saul, e era um dos “Heróis de Davi”.
776 - JEDLÃO
Filho de Nacor e de Melca, neto de Taré, bisneto de Nacor, trineto de Serug e tetraneto de Reú. Jedlão era sobrinho de Abrão.
777 - JEEDIA
Filho de Subael, neto de Gerson, bisneto de Moisés, trineto de Amram, tetraneto de Caat e descendente de Levi.
778 - JEFDAIA
Filho de Sasac, neto de Elfaal, bisneto de Saaraim e de Husim e chefe de um dos clãs da tribo de Benjamim.
779 - JEFONÉ
(2) Filho de Jeter, neto de Sofa, bisneto de Hotam, trineto de Heber, tetraneto de Beria e descendente de Aser.
780 - JEFTÉ
Filho de Galaad e de uma prostituta, fugiu de seus irmãos por envergonhar-se de sua origem, para a terra de Tob e uniu-se a um grupo de vagabundos. Posteriormente foi convocado por Javé para liderar os hebreus contra os amonitas.
781 - JEGAAL
Filho de Sequenias, neto de Hananias, bisneto de Zorobabel, trineto de Fadaías, tetraneto de Jeconias e descendente do rei Josias.
782 - JEGBAAR
Filho de Davi, neto de Jessé, bisneto de Obed, trineto de Booz, tetraneto de Salmon e descendente de Judá. Jegbaar foi um dos filhos que Davi teve em Jerusalém.
783 - JEIEL
(3) Filho de Laadan, neto de Gerson, bisneto de Levi, trineto de Jacó e tetraneto de Isaac.
784 - JEIEL
(4) Filho de Hotam e natural de Aroer, era um dos chamados "Heróis de Davi", grupo de proeminentes guerreiros fiéis ao rei Davi.
785 - JEIEL
(5) O escriba, ou secretário, durante o reinado de Ozias, filho de Amasias, no "Reino de Judá".
786 - JEMNA
(1) Filho de Aser, neto de Jacó, bisneto de Isaac, trineto de Abrão e tetraneto de Taré.
787 - JEMNA
(2) Filho de Hotam, neto de Heber, bisneto de Beria, trineto de Aser e tetraneto de Jacó.
788 - JERAMEEL
(1) Filho de Kis, neto de Mali, bisneto de Merari, trineto de Levi e tetraneto de Jacó.
789 - JERAMEEL
(2) Filho de Hesron, neto de Farés, bisneto de Judá, trineto de Jacó e tetraneto de Isaac.
790 - JERAMEEL
(3) Filho do rei Eliacim, foi um dos que foram mandados pelo rei para prender o Profeta Jeremias e Baruc, seu secretário. Porém, Javé protegeu a ambos e a ordem não pôde ser cumprida.
791 - JEREMIAS
– PROFETA Filho de Helkias nasceu por volta do ano 646 a.C. em Anatot (no território de Benjamin), nas proximidades de Jerusalém, no seio de uma família sacerdotal. Foi contemporâneo do rei Josias e de seus descendentes, no "Reino de Judá". Em 626 a.C. foi chamado ao ministério do profetismo e ao iniciar suas pregações perduravam ainda os péssimos efeitos do nefando reinado de Manassés, época em que a idolatria pagã mais floresceu. Foi contra tais aberrações e contra o excessivo e superficial formalismo religioso que Jeremias focava as suas criticas. Muitos males trouxe-lhe essa destemida pregação porque os poderosos, alvejados por ele, não lhe pouparam violências, perseguições, vilipêndios e prisões. Por fim, segundo a tradição, foi apedrejado até a morte nas proximidades de Táfnis – no Egito, onde foi sepultado.
792 - JERIAS
(2) Filho de Selemias era um dos guardas do território da tribo de Benjamim. Foi ele quem realizou uma das prisões sofridas pelo Profeta Jeremias, acusado, então , de trair o povo judeu.
793 - JERIAU
É citado em "Crônicas" como filho de Hebron, neto de Caat e descendente de Levi.
794 - JERIBAI
Filho de Elnaam, era um dos chamados "Heróis de Davi", grupo de proeminentes guerreiros fiéis ao rei Davi.
795 - JERIEL
Filho de Tola, neto de Issacar, bisneto de Jacó, trineto de Isaac e tetraneto de Abrão.
796 - JERIMOT
(1) Filho de Musi, neto de Merari, bisneto de Levi, trineto de Jacó e tetraneto de Isaac. Era um dos inspetores dos dízimos pagos durante o reinado de Ezequias no "Reino de Judá".
797 - JERIMOT
(2) Filho de Azriel era o chefe da tribo de Neftali durante o reinado do rei Davi.
798 - JERIMOT
(3) Filho de Becor, neto de Benjamim, bisneto de Jacó, trineto de Isaac e tetraneto de Abrão.
799 - JERIMOT
(4) Filho de Bela, neto de Benjamim, bisneto de Jacó, trineto de Isaac e tetraneto de Abrão.
800 - JERIMOT
(5) Filho de Heman e descendente de Levi era um dos “Cantores” do Templo em Jerusalém.
801 - JERIMOT
(6) Filho de Elfaal, neto de Saaraim e de Husim e um dos chefes de clãs da tribo de Benjamim.
802 - JERIOT
Filho de Caleb e de Azuba, neto de Hesron, bisneto de Farés, trineto de Judá e tetraneto de Jacó.
803 - JEROAM
(1) O mesmo que Jerimot, ver Jerimot, filho de Elfaal.
804 - JEROAM
(2) Filho de Eliab (Eliú), neto de Naat (Toú), bisneto de Sofai (Suf), trineto de Elcana, tetraneto de Aimot e descendente de Caat e de Levi. Jeroam foi o avô do Profeta e Juiz Samuel.
805 - JEROAM
(3) Filho de Fassur, neto de Melquias, bisneto de Maasai, trineto de Adiel, tetraneto de Jazera e membro da linhagem dos sacerdotes.
806 - JEROAM
(4) Filho de Felaías, neto de Amsi, bisneto de Zacarias, trineto de Fasur, tetraneto de Malquis e membro da classe dos Sacerdotes.
807 - JEROBOÃO
(1) Filho e sucessor de Joás no trono do "Reino de Israel". Reinou por quarenta e um anos e cometeu vários pecados contra Javé. Foi ele quem reconquistou o território de Israel, desde Emat (no norte) até o Mar de Arabá (no sul). Foi sucedido por Zacarias, seu filho.
808 - JEROBOÃO
(2) Natural de Sareda, era filho da viúva chamada Sarva. Jeroboão soube através do profeta Aías que era o escolhido por Javé para ser o soberano de dez das doze tribos de Israel, após a morte do rei Salomão. Este, sabendo dessa profecia tentou matar Jeroboão que para escapar refugiou-se no Egito, sob a proteção do Faraó Sesac. Após a morte de Salomão, voltou para Israel e foi aclamado reis das tribos rebeladas e governou a parte que foi chamada de "Reino de Israel". Porém, ambicionando a consolidação do seu poder cometeu a idolatria pagã o que atraiu sobre si a fúria de Javé e disso resultou a sua ruína e a do país. Jeroboão reinou por vinte e dois anos.
809 - JESANIAS
Filho de Jeremias e neto de Habassinias era o líder da tribo dos Recabitas na época do Profeta Jeremias.
810 - JESBA
Filho de Jeter, neto de Ezra e descendente de Judá.
811 - JESBOC
Filho de Abraão e de Cetura, sua segunda esposa, neto de Taré, bisneto de Nacor, trineto de Serug e tetraneto de Reú.
812 - JESEÍAS
Filho de Jesi e membro da tribo de Simeão. Junto com seus irmãos, liderou um exército que avançou até a montanha do Seir conquistando um vasto território.
813 - JESER
(1) Em "Crônicas" é mencionado na condição de filho de Bala e membro da tribo de Benjamim.
814 - JESER
(2) Filho de Neftali, neto de Jacó, bisneto de Isaac, trineto de Abrão e tetraneto de Taré.
815 - JESFA
Filho de Beria, neto de Elfaal, bisneto de Saaraim e de Husim e chefe de um dos clãs da tribo de Benjamim.
816 - JESFAN
Filho de Sasac, neto de Elfaal, bisneto de Saaraim e de Husim e descendente de Benjamim.
817 - JESI
(ISI) (2) Filho de Apaim (Efraim), neto de Nadab, bisneto de Samai, trineto de Onam, tetraneto de Jerameel e descendente de Judá.
818 - JESIA
(JESIAS) Filho de Oziel, neto de Caat, bisneto de Levi, trineto de Jacó e tetraneto de Isaac.
819 - JESIAS
(ISAIAS?) Filho de Raabia, neto de Eliezer, bisneto de Moisés, trineto de Amram, tetraneto de Caat e descendente de Levi.
820 - JESMA
Filho do pai de Etam, ou seja, Zara. Porém, os termos "filho, pai etc." na Bíblia podem ter o sentido mais amplo que o da simples relação de parentesco. Todavia, é certo que descendia de Judá
821 - JESMAÍAS
Filho de Abdias era o chefe da tribo de Zabulon durante o reinado de Davi.
822 - JESMARI
É citado em "Crônicas" como filho de Elfaal e neto de Elfaal (seu homônimo), bisneto de Saaraim e de Husim e chefe de um dos clãs da tribo de Benjamim.
823 - JESSÉ
(ISAÍ) Filho de Obed, neto de Booz, bisneto de Salmon, trineto de Naasson, tetraneto de Aminadab e descendente de Judá. Jessé foi o pai do rei Davi e por ser de Belém era chamado de “Belemita”.
824 - JESSIA
Filho de Izraia, neto de Ozi, bisneto de Tola, trineto de Issacar e tetraneto de Jacó.
825 - JESSUI
(1) Filho de Aser, neto de Jacó, bisneto de Isaac, trineto de Abrão e tetraneto de Taré.
826 - JESSUI
(2) Filho do rei Saul, neto de Cis, bisneto de Abiel, trineto de Seror, tetraneto de Becorat e descendente de Benjamim.
827 - JESUA
(1) Filho de Aser, neto de Jacó, bisneto de Isaac, trineto de Abrão e tetraneto de Taré.
828 - JESUS
(1) Filho de Josedéc (o Sumo Sacerdote), neto de Saraías, bisneto de Azarias, trineto de Helkias, tetraneto de Salum e descendente de Levi. Jesus pertencia à classe dos Sacerdotes e foi o patriarca e o condutor de uma das famílias hebréias que retornaram do exílio na Babilônia junto com Zorobabel. A ele, e aos seus, coube a reconstrução do Templo em Jerusalém.
829 - JESUS
(2) Filho de Joaquim, neto de Eliasib, bisneto de Jojada, trineto de Jonatan, tetraneto de Jadua e descendente de Levi. Jesus era o chefe dos levitas que serviam como “Porteiros” no Templo, na época de Neemias governador e de Esdras Sacerdote.
830 - JESUS
(3) Embora chamado de “Filho de Sirac”, na verdade era filho de Eleazar e neto de Sira (ou Sirac). Jesus foi o autor do livro chamado “Eclesiástico” e viveu entre os séculos III e II a.C. e deve ter escrito o seu livro entre 200 e 180 a.C. Seu neto, que traduziu o livro para o grego, informa que Jesus era Jerosolimitano, i é, natural de Jerusalém.
831 - JESUS,
O MESSIAS Jesus é um nome hebraico que significa: “O Senhor é a Salvação”. Judeu da Galiléia, nascido em Belém na Judéia meridional, nos últimos anos do reinado de Herodes, o Grande. Época em que Roma dominava a Palestina e Augusto (Otávio Augusto 27 aC. a 14 dC.) era o imperador. O aparente paradoxo sobre o ano de seu nascimento ocorreu devido a um erro do monge Dionísio, o Pequeno que fora encarregado pelo Papa, no século V dC., de organizar um calendário e o dia 25 de Dezembro foi fixado como o dia de seu nascimento para cristianizar uma festa pagã que era celebrada nesse dia. O principal testemunho da existência de Jesus, o Messias são os quatro Evangelhos, a base da fé cristã, onde são relatadas suas palavras, obras e as reações do povo. Esses relatos coincidem entre si e com os dos historiadores da época, como o judeu Flavio Joséfo e Tácito, o maior historiador de Roma. Jesus, segundo o Evangelho de São Mateus, era filho de José e de Maria e pelo lado paterno era neto de Jacó, bisneto de Matã, trineto de Eleazar, tetraneto de Eliud e membro da linhagem de Zorobabel, do rei Davi e de Judá. Nasceu quando seus pais estavam em Belém por causa de um recenseamento, mas como a noticia de que teria nascido aquele que seria o “rei” dos judeus espalhou-se rapidamente, Herodes decretou o infanticídio de todos os meninos nascidos na ocasião, porém, José, seu pai, foi avisado por um Anjo do perverso decreto e conseguiu salvar a família fugindo para o Egito donde retornaram após seis meses com a morte de Herodes. José e sua família voltaram para a Nazaré natal e Jesus passou a maior parte da infância ajudando ao pai nos trabalhos de carpintaria. Sua primeira aparição pública ocorreu quando ele tinha doze anos, ocasião em que sua família visitava Jerusalém e ele aproveitou para discutir a “Lei” com os Doutores do Templo. Após esse fato, o jovem Messias mergulhou nos estudos das Sagradas Escrituras e quase nada se conhece de seus feitos até atingir os trinta anos de idade q
832 - JETER
(1) Filho de Ezra e membro da tribo de Judá. O texto, em "Crônicas", não fornece mais referências sobre a sua ascendência.
833 - JETER
(2) Filho de Jada, neto de Onam, bisneto de Jerameel, trineto de Hesron, tetraneto de Farés e descendente de Judá.
834 - JETER
(4) O filho mais velho de Gedeão (um dos “Juizes Maiores”).
835 - JETER
(5) Filho de Sofa, neto de Hotam, bisneto de Heber, trineto de Beria e tetraneto de Aser.
836 - JETRÃ
Filho de Dison e neto de Seir, o Horreu.
837 - JETRAI
Filho de Zera, neto de Ado, bisneto de Joá , trineto de Zama, tetraneto de Jaat e descendente de Gerson e de Levi.
838 - JETRAM
(JETRAAM) Filho do rei Davi e de Egla. Era neto de Jessé, bisneto de Obed, trineto de Booz, tetraneto de Salmon e descendente de Judá.
839 - JETUR
Filho de Ismael, neto de Abrão e de Agar (serva de Sara), bisneto de Taré, trineto de Nacor e tetraneto de Serug.
840 - JEÚ
(1) Filho de Esaú e de Oolibama, neto de Isaac, bisneto de Abrão e de Sara, trineto de Taré e tetraneto de Nacor.
841 - JEÚ
(2) Filho de Obed, neto de Eflal (Oflal), bisneto de Zabad, trineto de Natã (Natan), tetraneto de Atai e descendente de Judá.
842 - JEÚ
(3) Filho de Hanani, foi o profeta utilizado por Javé para repreender Baasa, soberano do "Reino de Israel" e a Josafá, rei do "Reino de Judá".
843 - JEÚ
(4) Filho de Josafá e neto de Namsi, foi ungido pelo Profeta Elias como o soberano do "Reino de Israel", sucedendo a Jorão (a quem executou, juntamente com Acazias do "Reino de Judá"), conforme a ordem de Javé. Jeú reinou em Samaria por vinte e oito anos.
844 - JEÚ
(5) Filho de Josabias, é citado em "Crônicas" como descendente de Simeão e um dos líderes de sua tribo.
845 - JEUDI
Filho de Natanias, neto de Selemias e bisneto de Cusi foi o enviado dos ministros do rei Eliacim para resgatar de Baruc o livro das profecias ditadas pelo Profeta Jeremias.
846 - JEUEL
Filho de Zara, neto de Judá, bisneto de Jacó, trineto de Isaac e tetraneto de Abrão.
847 - JEUS
(1) É citado em "Crônicas" como filho de Saaraim e de Hodes e na qualidade de chefe de um dos clãs da tribo de Benjamim.
848 - JEUS
(2) Filho de Esec, neto de Elasa, bisneto de Rafa, trineto de Banaa, tetraneto de Mosa e descendente do rei Saul.
849 - JEUS
(3) Filho de Balan, neto de Jadiael, bisneto de Benjamim, trineto de Jacó e tetraneto de Isaac.
850 - JEUS
(4) Filho de Roboão e de Maalat, neto do rei Salomão, bisneto do rei Davi, trineto de Jessé, tetraneto de Obed e descendente de Judá.
851 - JEZER
Filho de Galaad, neto de Maquir, bisneto de Manassés, trineto de José e tetraneto de Jacó.
852 - JEZLIA
Filho de Elfaal, neto de Elfaal (homônimo do pai), bisneto de Saaraim e de Husim e chefe de um dos clãs da tribo de Benjamim.
853 - JEZRAEL
(2) Um dos “filhos” do Profeta Oséias e de Gomer. Ver Gomer, filha de Diblaim.
854 -
Protagonista do livro a que empresta o nome, era um abastado homem que vivia em Hus. Fiel a Javé, reto e caridoso, vivia em paz e em conforto. Porém, num certo dia, Deus permitiu que Satanás testasse a sua fé e, então, sobreveio-lhe a ruína financeira, a morte de seus filhos e a enfermidade. Ante essa sucessão de infortúnios, Jó debate com os amigos que foram consolar-lhe e questiona a justiça divina e chega a mostrar-se rebelde à Javé. Todavia, Deus aparece-lhe e expõe-lhe a mediocridade da condição humana e a arrogância do Homem ao querer entender e julgar os seus desígnios. Jó compreende e pede perdão ao Senhor que lhe restitui a saúde, a fortuna e outros filhos. A qualidade de ser paciente – a proverbial “paciência de Jó” – decorre de seus pacientes, mas inúteis, esforços para convencer os amigos que não havia cometido os pecados que eles lhe imputavam, os quais, seriam o motivo de sua desgraça.
855 - JOÁ
(1) Filho de Beria, neto de Elfaal, bisneto de Saaraim e de Husim e chefe de um dos clãs da tribo de Benjamim.
856 - JOÁ
(2) Filho de Zama (Zema), neto de Jaat, bisneto de Lebni, trineto de Gerson e tetraneto de Levi. Joá foi um dos levitas que sob as ordens do rei Ezequias, do "Reino de Judá", purificaram o Templo de Jerusalém.
857 - JOÁ
(3) Filho de Obed-Edom e descendente de Coré e de Levi. Era um dos “Porteiros” do Templo em Jerusalém.
858 - JOÁ
(4) Filho de Samri e natural de Tis (ou Tosa), era um dos chamados "Heróis de Davi". Estes, compunham um grupo de proeminentes guerreiros fiéis ao rei Davi.
859 - JOÁ
(5) Filho de Asaf, era o secretário durante o reinado de Ezequias, no "Reino de Judá".
860 - JOAB
(1) Filho de Saraia, neto de Kenaz, bisneto de Ela, trineto de Caleb, tetraneto de Jefoné e descendente de Judá. Em "Crônicas" Joab é citado como o ancestral da população do “Vale do Artesão”.
861 - JOAB
(2) Filho de Sárvia, neto de Jessé, bisneto de Obed, trineto de Booz, tetraneto de Salma (Salmon) e descendente de Judá. Era irmão de Abisaí e de Asael e primo e fiel aliado do rei Davi. Joab, embora fiel a Davi e chefe de seu exército, contrariou o rei quando matou Abner e Amasa como vingança pelo assassinato de seu irmão. Quando Salomão assumiu o trono mandou matá-lo como punição por esses assassinatos.
862 - JOACAZ
(SELUM) Também chamado de Selum, era filho e foi o sucessor do rei Josias no "Reino de Judá". Sua mãe chamava-se Hamital, era filha de Jeremias e natural de Lebna. Joacaz tinha vinte e três anos quando foi coroado e reinou por apenas três meses, pois foi aprisionado pelo Faraó Necao (que em seu lugar colocou Eliacim), em Rebla, no país de Emat, e, depois, morreu no Egito.
863 - JOACAZ
Filho e sucessor de Jeú no trono do "Reino de Israel". Reinou por dezessete anos (814-798 a.C.) e cometeu vários pecados contra Javé.
864 - JOADA
Em "Crônicas" é citado como filho de Acaz, neto de Mica, bisneto de Meribaal, trineto de Jônatas e tetraneto do rei Saul.
865 - JOANÃ
(1) Filho de Elioenai, neto de Naarias, bisneto de Sequenias, trineto de Hananias, tetraneto de Zorobabel e descendente do rei Josias.
866 - JOANÃ
(2) Filho do rei Josias, neto de Roboão, bisneto de Salomão, trineto de Davi, tetraneto de Jessé e descendente de Judá.
867 - JOANAM
(1) Filho de Caré (ou Coré), era um dos comandantes dos judeus remanescentes do exílio babilônico e foi um dos adversários políticos do Profeta Jeremias.
868 - JOANAM
(2) Membro da família de Amarias era o “Sacerdote Chefe” de sua família no tempo de Joaquim, o levita filho de Jesus e neto de Sadoc.
869 - JOANAN
(1) Filho de Azarias, neto de Aquimaás, bisneto de Sadoc, trineto de Aquitob, tetraneto de Amarias e descendente de Levi.
870 - JOANAN
(5) Filho de Eliasib era o Sacerdote (ou levita) que ocupava o aposento contíguo ao Templo reconstruído em Jerusalém.
871 - JOANANN
Filho de Hacatan e descendente de Azgad era o chefe de uma das famílias que seguiram Esdras no retorno no exílio na Babilônia.
872 - JOÃO
(1) Apelidado de “Gadis” era filho de Matatias, neto de João, bisneto de Simeão e descendente de Joarib, da linhagem de Finéias e de Aarão. Junto com seus irmãos (os Macabeus), foi um proeminente guerreiro nas lutas contra os Selêucidas, contra os Tolomeus e contra outros inimigos que hostilizavam a Jerusalém reconstruída após o exílio babilônico. Alguns estudiosos acreditam que foi um dos enviados por Judas Macabeu, a Lisias, com as exigências que fazia para aceitar o armistício proposto pelo assírio.
873 - JOÃO
(BOANERGES) – APÓSTOLO Filho de Zebedeu e de Maria Salomé e irmão de Tiago Maior levava o epíteto de Boanerges que significa “filho do trovão” em razão da impetuosidade de seu caráter. Era natural de Jerusalém e antes do apostolado foi discípulo de João Batista, o Precursor. Companheiro inseparável e fiel do Apóstolo Pedro, primeiramente evangelizou os Samaritanos e, depois, em Alexandria, em Éfesos e noutras províncias da Ásia Menor. Entre 93 a 98 dC. ficou exilado em Patmos devido à perseguição do imperador Domiciano e ali escreveu o Apocalipse (Revelação) onde narra as suas visões predizendo as tribulações da Igreja (o reino do Céu) e o seu triunfo final. Além de seu Evangelho (o 4o) e do Apocalipse que é o último livro da Bíblia, João escreveu mais três epístolas, sendo que de seus escritos foram encontrados no Egito alguns fragmentos em papiros que datam do principio do 2o século. Também coube a João a missão de amparar a Virgem Maria até a morte da mesma que ocorreu durante o reinado de Trajano, em Roma. Segundo a tradição, João morreu quase centenário, de causas naturais, em Éfeso.
874 - JOÃO
BATISTA – O PRECURSOR Filho de Zacarias e de Isabel, primo de Jesus, o Messias e alcunhado de “O Precursor (do Messias)” foi um homem de caráter enérgico, de vida austera e penitente e que se notabilizava por suas pregações e por batizar nas águas do rio Jordão àqueles que buscavam o perdão para seus pecados. Para Jesus era superior a todos os outros profetas por ser o precursor vaticinado por Malaquias que lhe chamava de “Elias”, aquele que precederia o “grande e terrível dia do Senhor [ O Juízo Final]”. É tristemente famoso o fim de sua vida que ocorreu em função de ter criticado em público o ímpio enlace entre Herodíade e Herodes Antipas do que lhe resultou a prisão e posteriormente a decapitação. Vale o registro que para alguns, após a transfiguração de Jesus, o Messias os apóstolos que a presenciaram entenderam que o Precursor seria a reencarnação do Profeta Elias. Ver Herodíade.
875 - JOAQUIM
(JOIAKIN) (ELIACIM) Filho do rei Josias, neto de Amon, bisneto de Manassés e trineto de Ezequias. Ver Eliacim.
876 - JOAQUIM
(JOIAKIN) Filho de Eliasib, neto de Jojada, bisneto de Jonatan, trineto de Jadua e descendente de Levi. Era um dos levitas que serviam no Templo.
877 - JOARIB
(JOIARIB) Descendente da linhagem de Finéias – filho de Aarão e neto de Levi – era o chefe da primeira das vinte e quatro classes em que era dividido o grêmio dos Sacerdotes nos turnos de serviço no Templo da Jerusalém reconstruída após o exílio babilônico.
878 - JOÁS
(1) Filho de Abiezer (Jazer?) descendente de Manassés e pai de Gedeão, um dos “Juizes Maiores”.
879 - JOÁS
(2) Filho de Becor, neto de Benjamim, bisneto de Jacó, trineto de Isaac e tetraneto de Abrão.
880 - JOÁS
(3) Filho de Sela, neto de Judá, bisneto de Jacó, trineto de Isaac e tetraneto de Abrão.
881 - JOÁS
(4) Filho e sucessor de Joacaz no trono o "Reino de Israel". Reinou por dezesseis anos e cometeu vários pecados contra Javé.
882 - JOÁS
(8) Filho de Joacaz era o secretário de Governo durante o reinado de Josias no "Reino de Judá".
883 - JOÁS
(9) Filho de Samaá e membro da tribo de Benjamim, foi um dos que seguiram Davi enquanto ele era perseguido pelo rei Saul.
884 - JOATÃO
(1) Descendente de Jaadai e membro do clã de Caleb, o filho de Hesron e descendente de Judá.
885 - JOATÃO
(2) Filho caçula de Gedeão (um dos “Juizes Maiores”), neto de Joás e descendente de Manassés era irmão de Abimelec qu