BÍBLIA COMENTADA NO WHATSAPP!



Se você quer receber versículos no seu WhatsApp,
basta enviar uma mensagem pelo Whats para:



+55 11 97554 4484


É simples, prático e muito fácil estar
em contato com a Palavra de Deus!



Um Serviço adWhats


Como crianças se tornam homens-bomba?





Hoje, eu quero que vocês vejam

crianças que viram homens-bomba

por uma perspectiva completamente diferente.

Em 2009, ocorreram 500

atentados à bomba no Paquistão.

Eu passei o ano trabalhando

com crianças

que estavam treinando para se tornarem homens-bomba

e com recrutadores do Talebã,

tentando entender como o Talebã

estava convertendo essas crianças

em munição viva

e porque essas crianças se juntavam

a essa causa ativamente.

Eu quero que vocês assistam a um pequeno trecho

de meu mais recente documentário: "Crianças do Talebã".

(Cantando)

O Talebã agora dirige suas próprias escolas.

Ele tem como alvo famílias pobres

e convence os pais a enviarem seus filhos.

Em troca, oferece comida e abrigo grátis

e às vezes paga um salário mensal às famílias.

Nós conseguimos um filme de propaganda

feito pelo Talebã.

São ensinadas, a meninos pequenos, justificativas

para ataques suicida

e para a execução de espiões.

Eu contatei uma criança de Swat

que estudou em uma madrassa como essa.

Hazrat Ali vem de uma

família pobre e rural de Swat.

Ele se juntou ao Talebã há um ano,

quando tinha 13 anos.

Como o Talebã da sua área consegue recrutar pessoas?

Hazrat Ali: Eles primeiro nos chamam para a mesquita e pregam.

Então nos levam a uma madrassa

e nos ensinam coisas do Corão.

Sharmeen Obaid Chinoy: Ele diz que as crianças

recebem então meses de treinamento militar.

HA: Eles nos ensinam a usar metralhadoras, Kalishnikov,

lança-foguetes, granadas, bombas.

Eles nos dizem para usar apenas contra os infiéis.

Então nos ensinam a fazer um ataque suicida.

SOC: Você gostaria de fazer um ataque suicida?

HA: Se Deus me der força.

SOC: Eu, em minha pesquisa,

vi que o Talebã aperfeiçoou a forma

como recruta e

treina crianças.

E penso ser um processo em cinco passos.

O passo um é que o Talebã preda

famílias grandes que sejam pobres

e vivam em áreas rurais.

Eles separam os pais dos filhos

prometendo fornecer comida, roupas,

abrigo a essas crianças.

Eles então as enviam para muito longe,

para escolas fundamentalistas

que seguem a linha do Talebã.

Passo dois:

Eles ensinam às crianças o Corão, o livro mais sagrado do Islã,

em árabe, língua que essas crianças não entendem

e não sabem falar.

Elas dependem muito de professores

os quais eu vi pessoalmente

distorcendo a mensagem para as crianças

como e quando lhes convém.

Essas crianças são expressamente proibidas

de ler jornais, ouvir rádio,

ler quaisquer livros

que os professores não tenham indicado.

Qualquer criança encontrada violando essas regras

é severamente punida

Efetivamente, o Talebã criou

um blecaute completo

de qualquer outra fonte de informação para essas crianças.

Passo três: o Talebã quer que essas crianças

odeiem o mundo onde elas atualmente vivem.

Então eles batem nas crianças.

Eu vi.

Eles as alimentam duas vezes por dia com pão seco e água.

Elas raramente têm permissão para brincar.

Eles dizem a elas que só o que devem fazer,

por oito horas seguidas, é ler o Corão

As crianças são prisioneiras mesmo.

Elas não podem sair; não podem ir para casa.

Seus pais são tão pobres que

não têm recursos para trazê-las de volta.

Passo quatro: os membros mais velhos do Talebã,

os guerreiros,

começam a falar com os garotos mais novos

sobre as glórias do martírio.

Eles lhes dizem como, quando morrerem,

eles serão recebidos no céu

com lagos de mel e leite,

como haverá 72 virgens

lhes esperando no paraíso,

como haverá comida sem fim

e como essa glória

os levará a se tornarem

heróis em suas vizinhanças.

Esse é, realmente, um processo de lavagem cerebral

que já começou.

Passo cinco: eu creio que o Talebã tenha

um dos meios mais eficientes

de propaganda.

Os vídeos que eles usam

são entremeados de fotos

de homens, mulheres e crianças

morrendo no Iraque, no Afeganistão

e no Paquistão.

E a mensagem básica é que as potências ocidentais

não ligam para mortes de civis,

então as pessoas que moram

em áreas e apoiam governos

que trabalham com potências ocidentais são alvos legítimos.

É por isso que civis paquistaneses,

os quais mais de 6.000 foram mortos apenas nos dois últimos anos,

são alvos legítimos.

Essas crianças são preparadas

para se tornarem homens-bomba.

Elas estão prontas para sair e lutar

porque lhes foi dito que essa é,

efetivamente, a única maneira

de glorificar o Islã.

Quero que vocês assistam a outro trecho do filme.

Este menino se chama Zenola.

Ele se explodiu, matando seis pessoas.

Este menino se chama Sadik.

Ele matou 22.

Este menino se chama Messoud.

Ele matou 28.

O Talebã está dirigindo escolas de suicídio,

preparando uma geração de meninos

para atrocidades contra civis.

Você quer realizar um ataque sucida?

Menino: Eu adoraria.

Mas só se eu conseguir permissão do meu pai.

Quando vejo homens-bomba mais novos que eu, ou da minha idade,

fico muito inspirado por seus ataques incríveis.

SOC: Que benção você teria

por realizar um ataque suicida?

Menino: No dia do julgamento, Deus me perguntará:

"Por que você fez aquilo?"

E eu direi: "Meu Senhor! Apenas para fazê-lo feliz!

Eu entreguei minha vida combatendo infiéis".

Então Deus verá minha intenção.

Se minha intenção foi erradicar o mal pelo Islã,

então eu serei recompensado com o paraíso.

Cantando: ?No dia do julgamento?

?Meu Deus me chamará?

?Meu corpo será reconstruído?

?E Deus perguntará por que fiz aquilo?

SOC: Eu lhes deixo com esse pensamento.

Se você tivesse crescido nessas condições,

enfrentando essas escolhas,

você escolheria viver neste mundo

ou no glorioso pós-vida?

Como um recrutador do Talebã me disse,

"Sempre haverá cordeiros de sacrifício nesta guerra".

Obrigada.

(Aplausos)








Comentários

Enviada Por: cosme
Em:
chocante

Enviada Por: ouzana
Em:
pra vc estudar



Enviar Comentário